Fazendo negócios no Paraguai

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo Conteúdo programático da unidade curricular - comércio exterior e negócios no Paraguai. Economia paraguaia

  1. Introdução à República do Paraguai (América do Sul)
  2. A economia paraguaia
  3. Principais setores da economia
  4. O comércio exterior paraguaio
  5. Sistema Aduaneiro no Paraguai
  6. Investindo no Paraguai
  7. Caso de estudo: Hidrovía Paraguai-Paraná
  8. Acesso ao mercado paraguaio
  9. Plano de negócios para o Paraguai

Objetivos da unidade curricular «Comércio exterior e fazendo negócios na República do Paraguai»:

  1. Analisar a economia e o comércio exterior paraguaio
  2. Avaliar as oportunidades de negócio no Paraguai
  3. Analisar as relações comerciais do Paraguai com o país do aluno
  4. Conhecer os acordos de comércio livre (ACL) do Paraguai
  5. Desenvolver um plano de negócios para o mercado paraguaio

Créditos

A unidade curricular «Fazendo negócios no Paraguai» estuda-se:
  1. Mestrados EaD: Negócios Internacionais, América
  2. Doutoramento Profissional Negócios na América (à distancia)
  3. Curso: América do Sul

Materiais de estudo em Português ou Espanhol Paraguay Inglês Paraguay Francês Paraguay.

  1. Créditos da unidade curricular «Comércio exterior e fazendo negócios no Paraguai»: 1 ECTS
  2. Duração estimada: 1 semana

Exemplo da unidade curricular - Comércio exterior e negócios no Paraguai:
Hidrovía Paraguai-Paraná Brasil

Descrição Descrição da unidade curricular: comércio e negócios no Paraguai.

A República do Paraguai.

O Paraguai conta com abundantes recursos hídricos, já que faz parte do sistema Aquífero Guarani, considerado a maior reserva da água doze do mundo.

Além disso, os numerosos rios que recorrem o Paraguai fazem com que seu só seja muito apto para o cultivo de diversos produtos, alguns exportáveis, como a soja, o algodão, entre outros.

  1. A principal religião do Paraguai: Cristianismo Católico (6 milhões).
  2. A República do Paraguai ao espaço económico latino-americano da civilização cristã ocidental
  3. As fronteiras do Paraguai: o Brasil, a Bolívia e a Argentina.
  4. O Paraguai é um povo com identidade própria
  5. O Paraguai tem dois idiomas oficiais: o espanhol e o guarani.
  6. A população: 6,8 milhões de pessoas
  7. Superfície: 406.752 quilómetros quadrados
  8. A independência da Espanha: 1811. Reconhecida: 1880
  9. A abolição da escravatura no Paraguai: 1842
  10. A população afro-americana no Paraguai: 200.000 pessoas (3,5 % da população paraguaia).

Aduanas do Paraguai
Aduanas do Paraguai

A economia paraguaia.

  1. A economia da República de Paraguai (América) é pequena e aberta, com uma ampla dependência do comércio internacional e do comércio local.
  2. A economia paraguaia baseia-se na produção e de exportação de uns poucos produtos agrícolas (soja e azeites vegetais) e da carne.
  3. Os negócios relacionados com a importação e reexportação de produtos de consumo são muito importantes no setor da economia informal.
  4. A estrutura produtiva do Paraguai sofreu mudanças de importância, como o setor agrícola que por efeito do clima experimentou uma diminuição na sua participação, descendo de 20,2%, a gerar 16% do PIB, reduzindo assim sua participação na produção de bens de 44,5% a 43,1%.
  5. O setor serviços aumentou a sua participação de 46% ao 49% do PIB paraguaio. O setor comercial (18% do PIB) ocupa o primeiro local.
  6. O setor comercial, com 18,1% de participação, passou a ocupar o primeiro lugar quanto a importância como atividade económica acima da agricultura e a indústria.
  7. O produto interno bruto apresentou uma taxa de crescimento do -3,8% com relação ao ano anterior.
  8. Inflação paraguaia: 4,5%
  9. A moeda paraguaia é o Guarani (PYG)
  10. Nova Lei das Alianças Público-Privadas

Cidade do Leste é uma cidade do Paraguai, capital do departamento de Alto Paraná, localizada a 327 quilómetros da capital, Assunção.

  1. Pela sua população e desenvolvimento económico é segunda cidade no Paraguai com 340.000 pessoas.
  2. É a terça maior área de livre comércio do mundo, após Miami e Hong Kong.
  3. A economia da cidade, ao igual que a economia do Paraguai, depende em grande parte do comércio exterior com o Brasil, embora sua economia também se tenha diversificada para outros rubros, especialmente os agronegócios, pois em Cidade do Leste encontram-se estabelecidas as maiores empresas agrícolas do Paraguai.

A represa hidrelétrica de Itaipú, é uma empresa binacional entre o Paraguai e o Brasil localizada no rio Paraná, é a Central hidrelétrica maior do mundo. A energia produzida por Itaipú seria suficiente para abastecer o consumo de eletricidade de todo o mundo durante dois dias; ou para satisfazer por um ano um país como à Argentina, e ao Paraguai para abastecê-lo durante onze anos.

A Hidrovía Paraguai-Paraná é um Programa definido sobre a base da uma estratégia de transporte fluvial ao longo do sistema hídrico do mesmo nome, em um trecho compreendido entre Porto Cáceres (Brasil) no seu extremo norte e o Porto Novo Palmira (Uruguai) no seu extremo Sul. A Hidrovía Paraná-Paraguai é um dos maiores sistemas navegáveis do planeta e se constituiu no maior fator de coesão histórica, humana e económica dos países que a conformam.

Comércio exterior do Paraguai.

  1. As exportações registadas em alfândega diminuíram 26,4% passando de dólares 4.463,3 milhões a dólares 3.284,0 milhões.
  2. Entre os principais rubros em baixa estão: semente de soja (47,5%), os azeites vegetais (52,5%) e carne (5,7%).
  3. As importações registadas em alfândega se reduziram em 24%, passando de dólares 8.506,0 milhões a dólares 6.464,1 milhões.
  4. Principais rubros que apresentam diminuição estão relacionados com os bens de capital entre os que destacam as maquinas, aparatos e motores, e elementos do transporte e acessórios, assim mesmo, os bens intermédios que compreendem os Combustíveis e lubrificantes, e os produtos químicos.

Acordos de comércio livre (ACL) do Paraguai

  1. MERCOSUL
  2. Associação Latino-Americana de Integração (ALADI)
  3. União de Nações Sul-Americanas (UNASUL)
  4. Sistema Económico Latino-Americano (SELA)
  5. Sistema de preferências generalizadas (SGP+)
  6. Acordos de comércio livre (ACL) do MERCOSUL

Sistema SOFIA.

É um sistema informático de escritório alfandegário que interage em forma direta com os seus usuários: Despachantes de Alfândega, Empresas de transporte, Depositários, Funcionários de Alfândega e com os organismos vinculados ao comércio exterior.

Fazendo negócios no Paraguai

ALADI Associação Latino-Americana de Integração

União de Nações Sul-Americanas UNASUL



Universidade U-EENI