Acordo de Livre-Comércio MERCOSUL-UE

Escola de Negócios EENI & Universidade HA

Conteúdo programático da unidade curricular (EAD): o Acordo de Livre-Comércio (ALC) MERCOSUL-União Europeia (Curso, Mestrado).

  1. O Acordo-quadro Inter-regional de Cooperação UE-MERCOSUL
  2. Os acordos-quadro bilaterais de cooperação da União Europeia com os países do MERCOSUL
  3. O comércio exterior entre o MERCOSUL e a União Europeia (Portugal)
  4. O Acordo de Livre-Comércio MERCOSUL-União Europeia (UE) (não em vigor)

A unidade curricular «O Acordo de Livre-Comércio (ALC) MERCOSUL-União Europeia» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância (EAD) da Escola de Negócios EENI & Universidade HA:
  1. Doutoramentos: Negócios Americanos, Negócios Europeus, Comércio Mundial
  2. Mestrados: Negócios na América, Relações Económicas, Negócios Internacionais, Comércio Exterior, Europa
  3. Cursos: Relações Internacionais da UE, América do Sul, Brasil

Estudante doutoramento / mestrado EAD comércio exterior

Brasil (Mestrado EAD) Mestrados e Doutoramentos em Negócios Internacionais para os estudantes do Brasil

Portugal Mestrados e Doutoramentos em Negócios Internacionais adaptados para os estudantes de Portugal

Língua de estudo: Ensino superior à distância em Português Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol UE-MERCOSUR Estudar mestrado negócios internacionais em Francês Union européenne-MERCOSUR Estudar mestrado comércio exterior em Inglês European Union-MERCOSUR.

Descrição da unidade curricular (EAD) - O Acordo de Livre-Comércio (ALC) MERCOSUL-União Europeia:

A União Europeia iniciou as negociações de livre-comércio com o MERCOSUL (Mercado Comum do Sul) em 1995. Estas negociações foram suspensas sem um acordo em 2004.

A União Europeia decidiu relançar as negociações com o MERCOSUL em maio de 2010. Desde então, três rodadas de negociações levaram-se a cabo.

O comércio exterior entre a União Europeia e o MERCOSUL representa quase tanto como o comércio exterior da União Europeia com o resto dos países da América Latina em seu conjunto.

  1. A União Europeia foi o primeiro parceiro comercial do MERCOSUL, o que representou 20,7% do comércio total do MERCOSUL
  2. A União Europeia é o maior investidor no MERCOSUL.
  3. O MERCOSUL ocupa o oitavo lugar entre os parceiros comerciais da União Europeia (UE), o que representou 2,7% do total do comércio exterior da União Europeia (UE)
  4. A União Europeia é o primeiro mercado do MERCOSUL para as suas exportações agrícolas, que representam 19,8% do total das importações agrícolas da União Europeia (UE)
  5. As exportações da União Europeia para o MERCOSUL concentram-se sobretudo em produtos de exportação industriais, incluindo os equipamentos de transporte de maquinaria e produtos de exportação químicos

O comércio de mercadorias (Euros):

  1. As exportações de mercadorias da União Europeia para à região do MERCOSUL: 27,200 milhões
  2. As importações de mercadorias da União Europeia da região do Mercado Comum do Sul: 35.100 milhões
  3. Investimento estrangeiro direto da União Europeia na região do MERCOSUL: 167,200 milhões




Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Exemplo da unidade curricular online - O Acordo de Livre-Comércio (ALC) MERCOSUL-União Europeia:
Curso: Acordo de Livre-Comércio MERCOSUL-União Europeia

  1. Acordos de Livre-Comércio (ALC) do MERCOSUL: ALADI, Chile, Comunidade Andina, México, Peru, Índia, Egito, Israel...
  2. Acordos de Livre-Comércio (ALC) da União Europeia: Parceria Estratégica UE-África, Acordo de Agadir, África do Sul, México, Países andinos, Estados Unidos, Canadá, China, Índia, Coreia do Sul, AELC, Geórgia, Moldávia, Rússia, Turquia, Ucrânia, ASEAN, Conselho de Cooperação do Golfo, Jordânia, Líbano, Sistema de preferências generalizadas (SPG), Parceria Euro-Mediterrânica...


(c) Escola de Negócios EENI & Universidade HA (1995-2019). Não usamos cookies.