Fazendo negócios na Bolívia

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo programático da unidade curricular - comércio exterior e negócios na Bolívia. Economia boliviana.

  1. Introdução ao Estado Plurinacional da Bolívia (Países andinos)
  2. Economia boliviana.
  3. Comércio exterior boliviano. Exportações e importações bolivianas.
  4. Investimento direto estrangeiro (IDE)
  5. Casos de estudo:
      - Corredores de integração bolivianos.
      - Integração económica da Bolívia.
      - ENTEL.
  6. Introdução ao espanhol
  7. Acesso ao mercado boliviano
  8. Plano de negócios para a Bolívia

Objetivos da unidade curricular "Fazendo negócios na Bolívia":

  1. Analisar a economia e o comércio exterior boliviano
  2. Avaliar as oportunidades de negócio na Bolívia
  3. Analisar as relações comerciais da Bolívia com o país do aluno
  4. Conhecer os tratados de livre comércio (TLC) da Bolívia
  5. Desenvolver um plano de negócios para o mercado boliviano
A unidade curricular "Fazendo negócios na Bolívia:" estuda-se:
  1. Mestrados profissionais à distancia (EaD): Negócios Internacionais, América
  2. Doutoramento Profissional Negócios na América (EaD)

Idioma de estudo: Pt ou Es Bolivia En Bolivia Fr Bolivie.

  1. Créditos da unidade curricular "Fazendo negócios na Bolívia": 1 ECTS
  2. Duração estimada: 1 semana

Exemplos da unidade curricular - Negócios na Bolívia:
Corredores integração bolivianos

Descrição da unidade curricular - Negócios na Bolívia.

Estado Plurinacional da Bolívia (América).

Segundo o próprio governo boliviano: "a Bolívia se constitui em um Estado Unitário Social de Direito Plurinacional Comunitário, livre, independente, soberano, democrático, intercultural, descentrado e com autonomias".

  1. A Bolívia é dividida em nove departamentos (Beni, Cochabamba, Chuquisaca, La Paz, Oruro, Pando, Potosi, Tarija e Santa Cruz), 112 províncias, 327 secções de províncias, 1,384 cantões
  2. Religião: cristianismo (9,5 milhões), 7 milhões de católicos. Na Bolívia existe uma pequena comunidade Bahaísta
  3. Fronteiras da Bolívia: o Brasil, Argentina, Peru, o Paraguai e o Chile
  4. São idiomas oficiais da Bolívia o espanhol e todos os idiomas das nações e povos indígenas originários (o quéchua, o aimara, o guarani além de trinta e três línguas locais.)
  5. Capital boliviana: La Paz
  6. A Bolívia pertence à Civilização cristã ocidental (Latino-Americana)
  7. População boliviana é de 10 milhões de pessoas
  8. A superfície é de 1.098.581 quilómetros quadrados
  9. Independência da Espanha: 1825. Reconhecida em 1879.
  10. Abolição da escravatura na Bolívia: 1826
  11. População afro-americana na Bolívia: 0,5 % da população boliviana.
  12. A Bolívia pertence ao espaço económico latino-americano da civilização cristã ocidental

A economia boliviana.

  1. Segundo o Banco Central da Bolívia, a balança de pagamentos registou um superavit de 325 milhões de dólares, resultado do superavit na conta corrente por 801 milhões de dólares (4,6% do PIB) que foi compensado parcialmente pelo deficit da conta capital e financeira (2,7% do PIB).
  2. O valor das exportações de produtos FOB alcançou 4.848 milhões de dólares (28% do PIB), quantidade menor em um 25% ao de 2008, e maior aos de todos os anos prévios.
  3. Os corredores de integração bolivianos. A política de "Infraestrutura Vial" que propõe desenvolver Bolívia, baseia-se principalmente na construção de quatro Corredores de Integração e Exportação, que completarão o circuito produtivo nacional.
  4. Entel, a Empresa Nacional de Telecomunicações da Bolívia, ocupa uma posição de liderança, tanto em telefonia fixa e móvel, como nos diferentes serviços de telecomunicações de valor agregado. Criada em 1965, hoje Entel volta a ser uma empresa nacional, após treze anos de gerenciamento privado.
ALBA Aliança Bolivariana

O comércio exterior boliviano.

  1. As exportações de produtos FOB foram de 4.848 milhões de dólares (28% do produto interno bruto bolivariano)
  2. Os produtos de exportação não tradicionais mais exportados foram: soja (53%), açúcar (42), o azeite de soja (32%), soja em grão (22%), farinha de soja (21%) e café (5%). Bolívia é um grande exportador de gás natural.
  3. As importações de produtos CIF foram de 4.377 milhões de dólares.
  4. As importações bolivarianas de bens de capital representam 28% do total do total de importações.

Análise do comércio internacional boliviano com os seus principais sócios comerciais.

  1. O superavit do comércio exterior com o MERCOSUL, diminuiu a 708 milhões de dólares, (menores exportações de gás natural a Brasil).
  2. O comércio com a Comunidade Andina, mostrou um incremento do saldo positivo a 158 milhões de dólares (maiores exportações a Colômbia e a Equador).
  3. Comércio exterior com o Mercado Comum Centro-Americano (MCCA), tem um superavit de 2,7 milhões de dólares.
  4. O comércio com o Tratado de Livre Comércio da América do norte (TLCAN), cresceu em 131 milhões de dólares
  5. Comércio exterior com a União Europeia, registou um incremento positivo de 90 milhões de dólares sobretudo com Bélgica, os Países Baixos e o Reino Unido.
    O comércio com a Associação Europeia de Livre Comércio (AELC) incrementou-se (acréscimo em 6 milhões de dólares do superavit com Suíça).

Acordos da Bolívia.

  1. Comunidade Andina
  2. Comunidade Andina-MERCOSUL
  3. União Europeia-Países andinos
  4. Associação Latino-Americana de Integração (ALADI)
  5. Aliança Bolivariana para os Povos de Nossa América (ALBA)
  6. União de Nações Sul-Americanas (UNASUL)
  7. Sistema Económico Latino-Americano (SELA)
  8. Bolívia: Protocolo de adesão ao MERCOSUL em 2013

Exemplos

Peru Brasil Bolivia

Comunidade Andina

Acordo Bolivia-MERCOSUL

ALADI Associação Latino-Americana de Integração

Bolívia ENTEL

União de Nações Sul-Americanas UNASUL

Sistema Económico Latino-Americano SELA

La Paz Negócios



EENI Escola de Negócios