Porto de Lomé - Togo

EENI- Unviersidade e Escola de Negócios


Início EENI

Conteúdo da subunidade curricular - O Porto autónomo de Lomé. Acesso: Burquina, Níger, Mali.

  1. O Porto autónomo de Lomé
  2. As principais características do Porto de Lomé
  3. O acesso ao Burquina, ao Níger e ao Mali
  4. A área de livre comércio do Togo. Zona de processamento de exportação
A subunidade curricular «O Porto autónomo de Lomé - Togo» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância da EENI (Escola de Negócios) e da Universidade HA:
  1. Doutoramento profissional em Negócios na África
  2. Licenciatura em Negócios Interafricanos à distância
  3. Cursos: África Ocidental, Transporte e logística na África
  4. Mestrados EaD: Negócios Internacionais, África Subsariana

Língua de estudo Formação superior em Inglês Port of Lomé ou Cursos à distância EaD em Francês Port de Lomé. Resumo em Ensino superior em Português Educação superior em Espanhol Puerto de Lomé.

Confiamos na África

Criação da Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais na África Ocidental
Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais

Descrição da subunidade curricular - O Porto autónomo de Lomé

  1. O Porto de Lomé (República do Togo) é um dos maiores portos na África Ocidental
  2. Porto de águas profundas (14 metros)
  3. Situação: Golfo da Guiné
  4. 80% do comércio exterior togolês
  5. Principais produtos de exportação: fosfatos, cacau, café, copra, algodão...
  6. Tráfego: 8 milhões de toneladas
  7. O acesso aos países sem litoral da África Ocidental (Terminal do Sahel): o Mali, o Níger e Burquina Faso (projeto de Caminho-de-ferro)
  8. O Níger e o Mali têm um armazém no Porto de Lomé
  9. Barcos Ro-Ro
  10. 4 armazéns de trânsito
  11. Terminal de contentores de Lomé. Gestão privada do terminal de contentores
  12. Bolloré logística no Togo investiu 300 bilhões de FCFA em uma terceira plataforma

Exemplo da subunidade curricular - O Porto de Lomé (Togo):
Porto de Lomé (Togo)

Zona franca Togolesa /  Zona de processamento das exportações (SAZOF).

  1. A Autoridade da Zona processamento das exportações - SAZOF no Porto de Lomé
  2. Impostos e incentivos (duty free)
  3. Transbordo Livre de alfândegas (aduanas) para os países da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO)
  4. 62 empresas (principalmente em manufaturas e serviços)
  5. Quase 10.000 trabalhadores
  6. Os setores: alimentos, madeira, roupa, cosmética, farmácia...

O Porto de Lomé pertence ao Espaço Económico da África Ocidental da Civilização Africana.

Rodovia transafricana (Corredores de transporte): o Corredor Dakar-Lagos

Transporte marítimo na África - Portos da África Ocidental.



(c) EENI- Escola de Negócios & Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais (1995-2018)