Protestantes e negócios

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo programático da unidade curricular - Protestantismo: ética e negócios (Cristianismo)

Protestantes Negócios

  1. Introdução ao protestantismo (Cristianismo)
  2. As «Cinco Solas»
  3. Os princípios éticos dos protestantes
  4. A ética do trabalho protestante
  5. O Protestantismo no mundo.
    1. Excelentíssima senhora Doutora Nkosazana Dlamini-Zuma
  6. As principais Igrejas protestantes
  7. Quakers
  8. Calvinistas
  9. Presbiterianos. Felipe Anschutz
  10. Metodistas. Ray L. Hunt, Ellen Johnson-Sirleaf
  11. Batistas. S. Truett Cathy
  12. Pentecostais. Howard Ahmanson, Steve Strang, Cyril Ramaphosa

Cyril Ramaphosa empresário da África do Sul

A unidade curricular «Protestantismo: ética e negócios» estuda-se:
  1. Doutoramento profissional em Ética, Religiões e Negócios
  2. Mestrado à distância em Comércio Exterior

Língua de estudo: Português + Espanhol Protestantes Inglês Protestants Francês Protestants.

Descrição da unidade curricular - Protestantismo

No ano 1054 produziu-se o primeiro grande cisma do cristianismo entre os Ortodoxos (oriente) e os católicos (Ocidente). No século XVI produziu-se a outra grande divisão: o Protestantismo. Ademais dá causa religiosa, há que ter em conta ademais fatores económicos, políticos, ou sociais para entender este cisma.

O Protestantismo inclui a uma grande quantidade de Igrejas (batistas, pentecostais, calvinistas, luteranos...) que negam a autoridade Papal (não aceitam a inefabilidade papal), aceitam os princípios dá Reforma («Justificativa pela fé»), a fé como fenómeno pessoal, a possibilidade de que qualquer crente possa ser sacerdote, e sobretudo a Bíblia como máxima autoridade e fonte para valer (Só scriptura).

Estima-se que existem ao redor de 800 milhões de protestantes no mundo, com 170 na América do Norte, 160 na África, 120 na Europa, 70 na América Latina e 60 na Ásia.

Quando analisam-se as diferenças entre o protestantismo e o catolicismo o estudante pode ser chegado a surpreender, já que as diferenças fundamentais não são de tipo confessional, senão mais bem na importância à que cada uma destas Igrejas protestantes dá a determinados conceitos.

As «Cinco Solas» sintetizam os princípios do protestantismo.

  1. Sola scriptura («só por médio dá Escritura»)
  2. Sola fide («Só pela fé Deus salva»)
  3. Sola gratia («só pela graça»)
  4. Solus Christus («só Cristo»)
  5. Soli Deo glória («A glória só para Deus»)

Harmonia das Religiões Negócios Ahimsa

Principais Igrejas Protestantes
Luteranos
Calvinistas
Metodistas
Batistas
Pentecostais
Anglicanos
Cuáqueros
Crentes (1)
75
85 (2)
70
100
250
85
0,3
Países
Alemanha, Escandinávia
Reino Unido, os Países Baixos, os Estados Unidos, a Coreia do Sul, a América Latina e a África Subsariana
Reino Unido, os Estados Unidos e a África Subsariana
Os Estados Unidos (A maioria dos protestantes) e a América Latina.
Os Estados Unidos, a América Latina, a África Subsariana e a Coreia.
Reino Unido
Os Estados Unidos

(1) Em milhões de pessoas
(2) 50 milhões de presbiterianos, 30 milhões de congregacionais e 5 milhões de reformados
(3) Determinados Mórmones consideram-se protestantes e outros não.

Cuáqueros Negócios e Ética

Ellen Johnson-Sirleaf
Ellen Johnson-Sirleaf Libéria

S. Truett Cathy Empresário Batista

Felipe Anschutz Empresário Presbiteriano

Calvinistas Negócios e Ética

Exemplo da unidade curricular - Presbiterianos: ética e negócios:
Presbiterianos Negócios e Ética

Metodistas

Ray L Hunt Empresário Metodista

Batistas

Pentecostais

Religiões e Ética: Zoroastrismo, Jainismo, Hinduísmo, Budismo, Taoismo, Confucionismo.

Universidade U-EENICatalunña es España