Escola de Negócios EENI Business School

Acordo de Livre-Comércio Chile-Austrália



Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - Acordo de Livre-Comércio (ALC) Chile-Austrália.

  1. Introdução ao Acordo de Livre-Comércio Chile-Austrália;
  2. Os benefícios do acordo;
  3. A certificação de origem;
  4. O comércio exterior Chile-Austrália;
  5. Os fluxos de investimentos entre a Austrália e o Chile.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios na América do Sul

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Estudante doutoramento / mestrado, negócios internacionais, comércio exterior

A UC «Acordo de Livre-Comércio (ALC) Chile-Austrália» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Asiáticos, Negócios Americanos, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Mestrados (MIB): Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Chile Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Chile Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Australie.

  1. Acordo de Complementação Económica Chile-MERCOSUL;
  2. Acordo União Europeia-Chile.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios na Oceania

Acordo de Livre-Comércio Austrália-Chile.

Em Março de 2009 entrou em vigor o Acordo de Livre-Comércio Chile-Austrália.

Em matéria alfandegária, desde o primeiro dia da entrada em vigência do acordo, liberou-se imediatamente 97% do Comércio exterior entre ambos países.

Tanto o Chile como a Austrália pertencem a Cooperação Económica Ásia-Pacífico (APEC).

O Acordo de Livre-Comércio (ALC) Chile-Austrália aborda matérias relacionadas com:

  1. O comércio exterior de mercadorias;
  2. Os serviços;
  3. Os investimentos;
  4. As compras públicas;
  5. Os direitos de propriedade intelectual;
  6. Como também cria uma institucionalidade que permite o intercâmbio de experiências, consultas e a resolução de conflitos através dos Comités.

Ademais, o Acordo de Livre-Comércio considera instâncias para discutir os problemas relacionados com as barreiras técnicas ao comércio e em matéria de medidas sanitárias e fitossanitárias (SPS), entre outros.

Temas cobertos no Acordo de Livre-Comércio Chile-Austrália:

  1. As disposições Iniciais;
  2. As definições gerais;
  3. Acesso ao mercado de mercadorias;
  4. O tratamento nacional;
  5. A eliminação alfandegária;
  6. Listas alfandegárias;
  7. Os regimes especiais;
  8. As medidas não-tarifárias;
  9. A agricultura;
  10. As regras e o certificado de origem;
  11. A administração alfandegária;
  12. As medidas sanitárias e fitossanitárias;
  13. As barreiras técnicas ao comércio;
  14. A defesa comercial;
  15. Salvaguardas Globais;
  16. Antidumping e os direitos compensatórios;
  17. O comércio transfronteiriço de serviços;
  18. O investimento;
  19. As medidas desconformes;
  20. As telecomunicações;
  21. Os serviços financeiros internacionais;
  22. A entrada temporária de pessoas de negócios;
  23. A política de concorrência;
  24. Contratação pública;
  25. O comércio eletrónico;
  26. A propriedade intelectual;
  27. A cooperação;
  28. A Transparência;
  29. Assuntos Institucionais;
  30. Solução de controvérsias;
  31. As disposições gerais e exceções;
  32. As disposições finais.

O comércio exterior Chile-Austrália.

  1. O comércio bilateral entre o Chile e a Austrália multiplicou-se seis vezes. ;
  2. A participação das exportações chilenas nas importações totais da Austrália representou um 0,4%, localizando-se como o trigésimo fornecedor australiano;
  3. 266 empresas exportaram para a Austrália, com um crescimento de 2%;
  4. A Austrália é o quinto maior investidor estrangeiro no Chile e ao mesmo tempo, o Chile é a maior investidor latino-americano na Austrália.

Acordos de Livre-Comércio (ALC) do Chile: MERCOSUL, ALADI, UNASUL, SELA, Comunidade Andina, Peru, Equador, Colômbia, México, América Central, Estados Unidos, Panamá, Canadá, China, Índia, Coreia do Sul, Japão, União Europeia, Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC), Turquia, APEC, Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica...


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página