Escola de Negócios EENI Business School

Acordo de Associação UE-Chile


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC): o Acordo de Associação Chile-União Europeia

  1. O comércio exterior (exportações, importações) Chile-União Europeia (Portugal)
  2. O Acordo de Associação UE-Chile
  3. O Acordo de Livre-Comércio Chile-União Europeia

Exemplo - O Acordo de Associação UE-Chile:
Acordo de Associação União Europeia (Portugal)-Chile

A UC «O Acordo de Associação Chile-União Europeia» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):
  1. Doutoramentos (Doutorados): Negócios Americanos, Negócios Europeus, Comércio Mundial
  2. Mestrados: Negócios na Europa, Negócios Internacionais, Comércio Exterior, Negócios na América
  3. Cursos: Relações Internacionais da UE, América do Sul

Estudante Mestrado e Doutoramento Online em negócios internacionais

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramentos) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Chile-Unión Europea Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais European Union-Chile Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Union européenne-Chili.

Portugal, estudar, Doutoramento, Mestrado, Negócios Internacionais, Comércio Exterior Mestrado em Comércio Exterior para os estudantes de Portugal

Descrição - Acordo de Associação Chile-União Europeia

A União Europeia e o Chile concluíram um Acordo de Associação no ano 2002, que incluiu um amplo Acordo de Livre-Comércio que entrou em vigor em fevereiro de 2003.

O Acordo de Livre-Comércio (ALC) entre a União Europeia e o Chile é amplo e integral e inclui todas as áreas das relações comerciais entre a União Europeia e o Chile.

  1. Cria-se uma área de livre-comércio de mercadorias, serviços e contratação pública
  2. Libera-se o investimento e os fluxos de capital
  3. Reforça-se a proteção dos direitos de propriedade intelectual

O comércio exterior de bens UE-Chile.

  1. Em termos de valor comercial, o Chile ocupa o lugar 32º entre os parceiros de importação da União Europeia e o trinta e nove entre os parceiros de exportação.
  2. A União Europeia é o segundo destino maior das importações do Chile após os Estados Unidos e o segundo maior mercado de exportação, após a subida recente da China.
  3. As exportações de mercadorias da União Europeia para o Chile: 4.500 milhões de euros
  4. As importações de bens da União Europeia do Chile: 7.400 milhões de euros

Acordos de Livre-Comércio (ALC) da União Europeia: Parceria Estratégica UE-África, Acordo de Agadir, África do Sul, MERCOSUL, México, Países andinos, Estados Unidos, China, Índia, Coreia do Sul, AELC, Geórgia, Moldávia, Rússia, Turquia, Ucrânia, ASEAN, Conselho de Cooperação do Golfo, Jordânia, Líbano, Sistema de preferências generalizadas (SPG), Parceria Euro-Mediterrânica...

Acordos de Livre-Comércio (ALC) do Chile: MERCOSUL, ALADI, UNASUL, SELA, Comunidade Andina, Peru, Equador, Colômbia, México, América Central, Estados Unidos, Panamá, Canadá, China, Índia, Coreia do Sul, Japão, Austrália, Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC), Turquia, APEC, Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica...

Países membros da União Europeia: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Dinamarca, França, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polónia, Portugal, República Checa, Roménia, Suécia.

O Reino Unido não é membro da UE (BREXIT).



(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2021)
Não usamos cookies
Topo da página