Sistema de pagamentos da Federação Russa

EENI- Unviersidade e Escola de Negócios

Início EENI

Conteúdo programático da subunidade curricular - O Sistema de pagamentos da Rússia.

  1. Introdução ao Sistema de pagamentos da Rússia
  2. O Banco da Rússia
  3. Análise do sistema de pagamentos russo
A subunidade curricular «O Sistema de pagamentos da Federação Russa» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância da EENI (Escola de Negócios) e da Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais:
  1. Mestrados profissionais à distância: Mestrado em Negócios Internacionais (MIB), Países BRICS, APEC, Europa
  2. Curso: Rússia
  3. Doutoramento: Europa
  4. Licenciatura em Comércio Internacional

Língua de estudo: Formação superior em Inglês Russia Ru магистра в Международном Бизнесе Educação superior em Espanhol Rusia Cursos à distância EaD em Francês Russie.

Créditos da unidade curricular «O Sistema de pagamentos da Rússia»: 0,2 ECTS

Descrição da subunidade curricular - «O Sistema de pagamentos da Rússia»:

O Banco da Rússia ocupa um lugar especial no sistema de pagamentos russo. Como operador do seu próprio sistema de pagamentos, coordena e regula as relações financeiras na Rússia, supervisiona as atividades dos sistemas privados de pagamento, fixando as diretrizes para o seu funcionamento, e estabelece as normas de não liquidação com dinheiro, formulários, prazos e as normas, além de organizar a circulação de dinheiro.

O sistema de pagamentos da Rússia se rege pelo Código Civil da Federação Russa e várias leis federais, a mais importante delas é a Lei Federal sobre o Banco Central da Federação Russa (Banco da Rússia) e a Lei Federal sobre bancos e atividades bancárias.

O Banco da Rússia empresta especial atenção à melhora do quadro regulador para garantir o correto funcionamento do sistema de pagamentos da Rússia.

Exemplo da subunidade curricular - O Sistema de pagamentos da Rússia:
sistema de pagos de Rusia

(c) EENI- Escola de Negócios & Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais (1995-2018)