Escola Negócios EENI Business School Universidade
Acordo México-Japão

Conteúdo programático da unidade curricular - O Acordo de Parceria Económica México-Japão (Curso, Mestrado)

  1. Introdução ao Acordo para o fortalecimento da Associação Económica entre o México e o Japão
  2. O valor de conteúdo regional
  3. O certificado de origem do acordo
  4. O comércio exterior México-Japão

Cursos Mestrados Doutoramentos Escola Negócios EENI

A unidade curricular «O Acordo de Associação México-Japão» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):
  1. Mestrados: Negócios na América, Ásia, Negócios Internacionais, Comércio Exterior
  2. Doutoramentos (Doutorados): Negócios Asiáticos, Negócios Americanos, Comércio Mundial
  3. Curso: Negócios no México

Línguas de estudo: Ensino superior à distância online em Português + Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol México-Japón Estudar mestrado comércio exterior online em Inglês Mexico-Japan Estudar mestrado negócios internacionais em Francês Japon.

Estudante Doutoramento Mestrado Negócios à distância online

Descrição da unidade curricular México-Japão (Acordos de Parceria Económica):

O Acordo para o fortalecimento da Associação Económica entre o México e o Japão além dos elementos de um acordo (Acordo de Livre-Comércio) incorpora as disposições em matéria de cooperação bilateral:

  1. O comércio exterior de mercadorias
  2. As regras e o certificado de origem
  3. Os procedimentos alfandegários
  4. As salvaguardas
  5. O investimento
  6. Os serviços
  7. As compras governamentais
  8. A política de concorrência
  9. A solução de controvérsias

O Acordo para o fortalecimento da Associação Económica entre o México e o Japão além dos elementos de um Acordo de Livre-Comércio entrou em vigor em abril de 2005.

O Acordo de Parceria Económica (AAE) com o Japão cobre quatro pontos:

  1. Exportação, para desenvolver a presença de produtos mexicanos em novos mercados
  2. Importação, para facilitar a provedoria a menor custo de insumos, particularmente de alto conteúdo tecnológico, e reforçar a produção no México
  3. Atração de investimento, para a promoção da produção em setores de alto valor agregado no México
  4. Cooperação, para aproveitar de melhor maneira os benefícios da liberalização e abertura dos mercados de bens, dos serviços e dos capitais no quadro do acordo

O México é para o Japão (entre os países da América Latina)

  1. O primeiro parceiro comercial
  2. O primeiro destino das suas exportações
  3. O terceiro fornecedor

O Japão é para o México

  1. O quarto parceiro comercial
  2. O sétimo destino das suas exportações
  3. O quarto fornecedor

Graças ao acordo, o comércio internacional entre o México e o Japão tem crescido 26%. O Acordo de Parceria Económica tem permitido consolidar o México como o primeiro parceiro comercial do Japão na América Latina, e tem convertido ao Japão no seu quarto parceiro comercial (após os Estados Unidos, a União Europeia e a China), ao gerar um comércio exterior de 19,523 milhões de dólares.

  1. 92% das exportações agroalimentares do México para o Japão entram livre de tarifas aduaneiras
  2. O México é o primeiro fornecedor do Japão de abacate, limão e melão
  3. 91% das exportações de mercadorias industriais têm acesso ao Japão livre de tarifas aduaneiras
  4. Têm aumentado as exportações mexicanas de mercadorias industriais como: automóveis e auto peças, eletrónicos, equipe médica, os produtos químicos, o couro e calçado, entre outros

Há que destacar que ambos países pertencem a Cooperação Económica Ásia-Pacífico (APEC).





Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Exemplo da unidade curricular - México-Japão Acordos de Parceria Económica:

México-Japão Acordo

  1. Acordos de Livre-Comércio do México: União Europeia, MERCOSUL, TLCAN, Comunidade Andina, Triângulo do norte, Costa Rica, Nicarágua, Colômbia, Uruguai, Chile, Acordo Estratégico Transpacífico, SELA, APEC, ALADI, Associação dos Estados das Caraíbas, Israel, AELC...
  2. Acordos de Livre-Comércio do Japão : África-Japão, APEC, Acordo Estratégico Transpacífico, ASEAN, Singapura, Chile...


(c) EENI Global Business School (Escola de Negócios, 1995-2020)
Ensino superior para todos a preços acessíveis
Não usamos cookies.
Voltar ao topo da página