Escola de Negócios EENI Business School

Chile-Índia (Acordo de Comércio Preferencial)


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC): Acordo de Comércio Preferencial Chile-Índia

  1. Introdução ao Acordo de Comércio Preferencial Chile-Índia
  2. As principais vantagens para os exportadores

Comércio Exterior e Negócios na Índia

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

A UC «Acordo Preferencial Chile-Índia» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Mestrados (MIB): Negócios na América, Ásia

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Asiáticos, Negócios Americanos, Comércio Mundial

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Cursos: Negócios na Índia, América do Sul, Religiões da Índia e Negócios

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Chile Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Índia Chile Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Inde.

Estudante Mestrado e Doutoramento Online em negócios internacionais

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios na América do Sul

Exemplo - Acordo de Comércio Preferencial Chile-Índia:
Chile-Índia Acordo de Livre-Comércio

Acordo de Comércio Preferencial Chile-Índia.

O Acordo de âmbito parcial entre o Chile e a Índia foi assinado em 2006 em Nova Deli (Índia): entrou em vigor em Agosto de 2007.

98% das exportações chilenas e 91% das exportações índias têm uma redução alfandegária média de 20%.

O fluxo de Comércio exterior entre o Chile e a Índia tem mostrado incrementos consideráveis desde a assinatura do acordo. As exportações chilenas incrementaram-se em um 48,5% e as importações em um 26,5%. O Chile é o fornecedor número 29º da Índia.

Principais produtos importados pelo Chile da Índia:

  1. O capítulo 27 «Combustíveis minerais, os azeites minerais e os produtos de destilação; matérias betuminosas; ceras minerais»
  2. O capítulo 71 «Pérolas finas ou cultivadas, as pedras preciosas ou semipreciosas, os metais preciosos, chapados de metal precioso e manufaturas destas matérias»
  3. O capítulo 85 «Máquinas e aparelhos e material elétrico, e as suas parte»

As regras e o certificado de origem do acordo de âmbito parcial entre o Chile e a Índia.

CRITÉRIOS DE MERCADORIAS ORIGINARIAS.

Para os efeitos da implementação do acordo de âmbito parcial entre o Chile e a Índia, o artigo 2 (Requisitos Gerais) indica as mercadorias que serão consideradas como originarias da uma Parte:

  1. As mercadorias totalmente obtidas ou produzidas no território da Parte definidas nos Artigos 4 do Anexo do acordo;
  2. As mercadorias que não sejam totalmente produzidas no território da Parte, sempre que ditos produtos sejam elegíveis em virtude do Artigo 5 em conformidade com o Artigo 6 e/ou com o Artigo 3 do Anexo

O Acordo de Comércio Preferencial Chile-Índia pertence à Civilização Hindu e a Civilização Ocidental (Latino-americana).

Acordos de Livre-Comércio (ALC) da Índia: União Europeia, MERCOSUL, África-Índia, Brasil-BRICS, Indonésia, Conselho de Cooperação do Golfo, SAARC, BIMSTEC, IORA, APTA, ACU, ASEAN, União Aduaneira da África Austral, Maurícia, Canadá, Nova Zelândia, Coreia do Sul, Singapura, Tailândia, Comunidade Andina...

Acordos de Livre-Comércio (ALC) do Chile: MERCOSUL, ALADI, UNASUL, SELA, Comunidade Andina, Peru, Equador, Colômbia, México, América Central, Estados Unidos, Panamá, Canadá, China, Coreia do Sul, Japão, Austrália, União Europeia, Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC), Turquia, APEC, Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica...


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página