Curso a distância (EAD): Mercado Comum Centro-Americano

Escola de Negócios EENI & Universidade HA


Início EENI

Conteúdo programático do curso (unidade curricular, EAD) - O Mercado Comum Centro-Americano (MCCA): Guatemala, El Salvador, Honduras, Costa Rica, Nicarágua...

  1. O Tratado Geral de Integração económica Centro-Americana
  2. O Mercado Comum Centro-Americano (MCCA)
  3. O Sistema da Integração Centro-Americana (SICA)
  4. O perfil económico da região centro-americana: a Guatemala, El Salvador, Honduras, a Nicarágua, a Costa Rica
  5. O comércio exterior e fluxos do investimento entre os países da América Central
  6. Caso de estudo: comércio exterior da Costa Rica e da Nicarágua com a América Central
O curso online (unidade curricular) «O Mercado Comum Centro-Americano (MCCA)» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior (Doutoramentos, Mestrados, Bachelors) à distância (EAD) da EENI Business School & HA University:
  1. Mestrados profissionais: Negócios Internacionais, Comércio Exterior, América
  2. Doutoramentos: Comércio Exterior e Marketing Internacional, Negócios na América
  3. Curso Online (EAD): Negócios na América Central
  4. Bachelor of Science em Comércio Internacional

Estudantes, Mestrado Negócios Internacionais

Língua de estudo: Ensino superior a distância em Português ou Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol Mercado Común Centroamericano Estudar mestrado comércio exterior em Inglês Central America Common Market Estudar mestrado negócios internacionais em Francês SICA.

Exemplo do curso (unidade curricular) online - O Mercado Comum Centro-Americano
Mercado Comum Centro-Americano (mestrado EAD)






Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Descrição do curso (unidade curricular, ensino a distância EAD): o Mercado Comum Centro-Americano.

O Tratado Geral de Integração económica Centro-Americana entrou em vigor em junho de 1961 para a Guatemala, El Salvador e a Nicarágua; em abril de 1962 para Honduras e em setembro de 1963 para a Costa Rica.

Atualmente, o Mercado Comum Centro-Americano (MCCA) é integrado ao Sistema de Integração Centro-Americana (SICA).

O Sistema da Integração Centro-Americana (SICA) é o quadro institucional da integração regional da América Central, criado pelos estados de Belize, a Costa Rica, El Salvador, a Guatemala, Honduras, a Nicarágua e Panamá. A sede da Secretaria-geral do SICA é na República do Salvador.

A República Dominicana é um estado associado ao Sistema da Integração Centro-Americana.

A população da região centro-americana estima-se em 46,6 milhões de habitantes.

A América Central é hoje, uma região na que existe livre comércio para 99% dos produtos e um regulamento comum e moderno em todos os temas importantes relacionados com o comércio internacional.

Segundo as disposições do Tratado Geral de Integração Económica centro-americana, a totalidade dos produtos originários dos países da região gozam de livre comércio no intercâmbio regional, a exceção dos produtos listados no Anexo A de dito acordo.

Conta com um regulamento de acordo com os standards internacionais e outros acordos comerciais vigentes, em temas como normas de origem; práticas desleais de comércio internacional; medidas de salvaguarda; medidas e procedimentos sanitários e fitossanitários; medidas de normalização, metrologia e procedimentos de autorização. Assim mesmo, dispõe de um mecanismo de solução das controvérsias comerciais.

A população da América Central representa 6,5% da população total da América Latina (39,2 milhões de habitantes), e o seu território 2,1% do total do território latino-americano. O seu produto interno bruto: 66.265 milhões de dólares.

O comércio exterior total com a América Central tem sido não só dinâmico senão igualmente de crescimento constante durante a última década, com exceção de 2009. Durante os últimos dez anos, em média, a Costa Rica tem ocupado o segundo lugar quanto às exportações dentro da região, o quinto lugar quanto às importações e o terceiro com respeito ao comércio total.

O investimento de origem centro-americano registado na Costa Rica atingiu um valor de 44,2 milhões de dólares, sendo El Salvador a principal investidor no país, cuja participação dentro do total foi de 80%.

Curso EAD: Sistema Integração Centro-Americana (SICA)

O Mercado Comum Centro-Americano (MCCA) pertence ao Espaço Económico latino-americano da Civilização Cristã Ocidental.



(c) EENI Business School & HA University / Escola de Negócios EENI & Universidade HA (1995-2018)