Acordo de Livre-Comércio Chile-China

Escola de Negócios EENI & Universidade HA

Conteúdo programático da unidade curricular: Chile-China (Acordo de Livre-Comércio) Curso.

  1. Introdução ao Acordo de Livre-Comércio Chile-China
  2. O capítulo sobre o comércio exterior de serviços
  3. O capítulo de investimentos

A unidade curricular «O Acordo de Livre-Comércio (ALC) China-Chile» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância (EAD) da Escola de Negócios EENI & Universidade HA:
  1. Mestrados: Negócios na América, Ásia, Negócios Internacionais, Comércio Exterior
  2. Doutoramentos: Negócios Asiáticos, Negócios Americanos, Comércio Mundial
  3. Cursos: Negócios na China, América do Sul, Confucionismo, Taoismo e Negócios

Língua de estudo: Ensino superior à distância em Português + Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol Chile Estudar mestrado comércio exterior em Inglês China-Chile Estudar mestrado negócios internacionais em Francês Chine.

Estudantes, Mestrado Negócios Internacionais

Portugal Mestrados e Doutoramentos em Negócios Internacionais adaptados para os estudantes de Portugal

Brasil (Mestrado EAD) Mestrados e Doutoramentos em Negócios Internacionais para os estudantes do Brasil

Descrição da unidade curricular (EAD) - O Acordo de Livre-Comércio Chile-China.

O Acordo de Livre-Comércio (ALC) entre o Chile e a China foi uma negociação rápida e efetiva. Em junho de 2002, a China propôs ao Chile começar as negociações de um acordo comercial e o lançamento das negociações levou-se a cabo na Cúpula de Líderes da Cooperação Económica Ásia-Pacífico (APEC) realizada em Santiago em novembro de 2004. As negociações começaram em Pequim em janeiro do 2005 e após cinco rodadas, culminaram em outubro do mesmo ano.

Atualmente estão-se negociando um Capítulo de investimentos no quadro da terceira fase do Acordo de Livre-Comércio Chile-China.

  1. O Capítulo sobre o Comércio exterior de serviços também está em plena vigência
  2. O Chile é o terceiro maior parceiro comercial da China na América Latina, enquanto a China é o maior parceiro comercial do Chile a nível global.
  3. O comércio bilateral entre a China e o Chile atingiu 17,53 mil milhões de dólares
  4. As importações da China do Chile foram de 11,16 mil milhões de dólares




Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Exemplo da unidade curricular online - O Acordo de Livre-Comércio Chile-China:
Curso: Acordo de Livre-Comércio Chile-China

Chile-China Acordo

  1. Acordos de Livre-Comércio (ALC) da China: Brasil-BRICS, África-Países BRICS, África-China, União Europeia, Peru, Costa Rica, ASEAN, Paquistão, Nova Zelândia, Singapura, APEC, Organização para a Cooperação de Xangai, Acordo Comercial Ásia-Pacífico, Comunidade Andina, Sub-região do Grande Mekong, União Económica Euroasiática...
  2. Acordos de Livre-Comércio (ALC) do Chile: MERCOSUL, ALADI, UNASUL, SELA, Comunidade Andina, Peru, Equador, Colômbia, México, América Central, Estados Unidos, Panamá, Canadá, Índia, Coreia do Sul, Japão, Austrália, União Europeia, Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC), Turquia, APEC...

国际贸易、全球营销及国际化硕士.



(c) Escola de Negócios EENI & Universidade HA (1995-2019). Não usamos cookies.