Tailandês para os negócios

EENI- Unviersidade e Escola de Negócios


Início EENI

Descrição da subunidade curricular: Tailandês para os negócios internacionais

  1. Introdução ao Tailandês

O Tailandês é a língua nacional e oficial da Tailândia e a língua materna dos tailandeses, o grupo étnico dominante da Tailândia.

  1. O idioma Tailandês tem uma ortografia extremamente complexa
  2. O Tailandês é mutuamente compreensível com a língua de Lao
  3. Estima-se que 60 milhões falam o tailandês
  4. O Real Instituto da Tailândia (ราชบัณฑิตยสถาน) é o organismo regulatório do idioma tailandês
  5. O alfabeto tailandês (อักษร ไทย), utiliza-se para escrever o idioma tailandês bem como outras línguas minoritários da Tailândia
  6. Conta com 44 consoantes, quinze símbolos vocálicos que se combinam em pelo menos vinte e oito formas vocais bem como quatro marcas tonais
  7. Todos os estudantes da EENI dispõem de forma gratuita deste curso de Tailandês
  8. ISO: Th.

Este curso de introdução ao Tailandês está disponível em inglês.

Site EENI em Tailandês: มหาบัณฑิต ในการค้าต่างประเทศและตลาดต่างประเทศ.

A subunidade curricular «Tailandês para os negócios internacionais» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância da EENI (Escola de Negócios) e da Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais:
  1. Doutoramento (Doutorado) Negócios na Ásia
  2. Mestrados profissionais: Ásia, Mercados Emergentes, Negócios Internacionais
  3. Curso Negócios no Sudeste Asiático

Educação superior em Inglês Thailand Educação superior em Espanhol Tailandia Cursos à distância EaD em Francês Thailande

Exemplo da subunidade curricular - Tailandês para os negócios:
Curso Tailandês

O objetivo deste curso da língua Tailandês não é conseguir que o estudante domine em profundidade o Tailandês, senão que obtenha os conhecimentos básicos desta língua. Estes cursos dão-se em modalidade autoformação, isto é, sem serviço de tutorias nem correção dos exercícios.



(c) EENI- Escola de Negócios & Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais (1995-2018)