Escola de Negócios EENI Business School

Agências descentralizadas da UE


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) da EENI

Principais agências descentralizadas da União Europeia (Portugal)

  1. Introdução as agências descentralizadas da UE
  2. A função das agências descentralizadas
  3. Análise das principais agências descentralizadas da UE

Os objetivos da UC «As agências descentralizadas da UE» são:

  1. Compreender a função das agências descentralizadas da UE
  2. Analisar as principais características de cada uma delas

Estudantes Negócios Internacionais

A UC «Agências descentralizadas da União Europeia» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School:

Doutoramento: Negócios Europeus, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Mestrado em Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Agencias Descentralizadas de la UE Estudar comércio exterior em Inglês online EU Decentralised Agencies Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Agences décentralisées de l’UE.

à União Europeia e as suas instituições

Portugal, estudar, Doutoramento, Mestrado, Negócios Internacionais, Comércio Exterior Mestrados adaptados para os estudantes de Portugal.

Com o objetivo de ajudar a que as instituições da UE sejam mais efetivas para desenhar as políticas e tomar decisões, a UE utiliza as chamadas agências descentralizadas. Estas agências, altamente especializadas em temas como a educação, a alimentação, a justiça ou as empresas oferecem seus conhecimentos as instituições comunitárias.

As agências especializadas da UE são:

  1. O Instituto Comunitário das Variedades Vegetais (CPVO)
  2. A Agência Europeia para a Segurança e a Saúde no Trabalho (EU-OSHA)
  3. A Agência europeia para a gestão operacional de sistemas informáticos de grande escala no espaço de liberdade, segurança e justiça
  4. A Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (Frontex)
  5. O Centro Europeu para o Desenvolvimento do Ensino Profissional (Cedefop)
  6. O Gabinete do Organismo de Reguladores Europeus das Comunicações Eletrónicas (Gabinete do ORECE)
  7. A Agência de Cooperação dos Reguladores da Energia (ACER)
  8. A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA)
  9. O Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo (EASO)
  10. A Agência Europeia das Substâncias Químicas (ECHA)
  11. A Autoridade Bancária Europeia (EBA)
  12. O Instituto Europeu para a Igualdade de Género (EIGE)
  13. O Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC)
  14. A Agência Europeia do Ambiente (EEA)
  15. A Agência Europeia de Controlo das Pescas (EFCA)
  16. A Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA)
  17. O Instituto da Propriedade Intelectual da UE (EUIPO)
  18. A Fundação Europeia para a Melhoria das Condições de Vida e de Trabalho (Eurofound)
  19. O Centro de Tradução dos Organismos da UE (CdT)
  20. A Autoridade Europeia dos Seguros e Pensões Complementares de Reforma (EIOPA)
  21. A Unidade Europeia de Cooperação Judiciária (Eurojust)
  22. A Agência Europeia da Segurança Marítima (EMSA)
  23. A Agência Europeia de Medicamentos (EMA)
  24. Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA)
  25. A Agência da UE para a Segurança das Redes e da Informação (ENISA)
  26. A Academia Europeia de Polícia (CEPOL)
  27. O Conselho Único de Resolução (CUR)
  28. O Serviço Europeu de Polícia (Europol)
  29. A Autoridade Europeia dos Valores Mobiliários e dos Mercados (ESMA)
  30. A Fundação Europeia para a Educação (ETF)
  31. A Agência dos Direitos Fundamentais da UE (FRA)

Todos os países da UE (Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Dinamarca, França, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polónia, Portugal, a República Checa, Roménia, Suécia) fazem parte das agências descentralizadas da UE.

As agências descentralizadas da UE pertencem ao Espaço Económico Europeu.



(c) EENI Global Business School (1995-2023)
Não usamos cookies
Topo da página

EENI: O Conhecimento leva à unidade, assim como a ignorância à diversidade