Escola de Negócios EENI Business School

Comércio e Negócios na Suíça, Berna



Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - Comércio exterior e negócios na Suíça. Berna.

  1. Introdução à Confederação Suíça (Europa Central): o quarto país mais rico do mundo
    1. O teólogo Hans Kung.
  2. A economia suíça;
  3. Os negócios em Berna e em Zurique;
  4. O comércio exterior suíço;
  5. O investimento estrangeiro direto (IED) na Suíça;
  6. Acesso ao mercado suíço;
  7. Plano de negócios para a Suíça.

Os objetivos da UC «Comércio exterior e negócios na Suíça» são os seguintes:

  1. Analisar a economia e o comércio exterior (exportações, importações, investimentos IED) suíço;
  2. Avaliar as oportunidades de negócio no mercado suíço;
  3. Analisar as relações comerciais da Suíça com o país do estudante;
  4. Conhecer os acordos de livre-comércio da Suíça;
  5. Desenvolver um plano de negócios para o mercado suíço.

Exemplo:
Corredor Báltico-Adriático (Polónia, Eslováquia, Áustria, Itália)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios nos mercados AELC / EFTA

Estudantes Negócios Internacionais, Curso Mestrado Doutoramento

A UC «Comércio exterior e negócios na Suíça» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Europeus, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Mestrados (MIB): Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Suiza Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Switzerland Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Suisse.

  1. Créditos da UC «Comércio exterior e negócios na Suíça»: 1 ECTS;
  2. Duração: uma semana.

Comércio exterior e negócios na Suíça.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Corredores de Transporte Europeus

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Acesso preferencial e acordos de livre-comércio da Suíça.

  1. A Suíça e o Espaço Económico Europeu;
  2. Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC)
    1. A Suíça como um membro da Associação Europeia de Livre-Comércio (AELC) tem tratados com a Ucrânia, o Líbano, as Filipinas, o México, a Colômbia, o Peru, o Chile, o Canadá, Singapura, a Índia, a Albânia, a Coreia do Sul, a América Central, o Marrocos etc.
  3. Acordo de Comércio Livre Reino Unido-Suíça-Liechtenstein;
  4. Acordo de Livre-Comércio União Europeia-Suíça-Liechtenstein;
  5. Acordo de Livre-Comércio Suíça-China;
  6. Acordo de Livre-Comércio Japão-Suíça;
  7. Acordo de Livre-Comércio Ilhas Faroé-Suíça;
  8. Conselho de Cooperação Regional (RCC);
  9. A Suíça é um país observador da Associação Latino-Americana de Integração (ALADI).

Exemplo:
Associação Europeia de Livre-Comércio -Filipinas Acordo de Livre-Comércio (curso mestrado doutoramento)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Facilitação do Comércio

  1. Organização Mundial do Comércio (OMC)
    1. Acordo Geral sobre o Comércio de Serviços (AGCS);
    2. Acordo de Facilitação do Comércio (AFC);
    3. Acordo de Aplicação de Medidas Sanitárias e Fitossanitárias (MSF);
    4. Acordo de Inspeção Pré-embarque (PSI);
    5. Acordo de Barreiras Técnicas ao Comércio (OTC);
    6. Acordo de Salvaguardas (SG).
  2. Organização Mundial das Alfândegas (OMA)
    1. Convenção de Quioto Revisada (CQR).
  3. Oficina Internacional de Contentores e Transporte Intermodal (BIC);
  4. Organização da Aviação Civil Internacional (Convenção de Chicago, OACI);
  5. Organização Marítima Internacional (IMO)
    1. Convenção Internacional relativa à Seguridade dos contentores (CSC);
    2. Convenção relativa à Admissão Temporária (Convenção de Istambul).
  6. Convenção relativa ao Contrato de Transporte Marítimo de Mercadorias (Regras de Roterdão, NU);
  7. Convenção relativa ao Contrato de Transporte Internacional de Mercadorias por Estrada (CMR);
  8. Convenção Aduaneira relativa aos Contentores (CCC, NU);
  9. Convenção Internacional para a Simplificação e Harmonização dos Regimes Aduaneiros (UNECE);
  10. União Internacional dos Transportes Rodoviários (IRU)
    1. Acondicionamento da Carga nos Transportes Rodoviários;
    2. Convenção TIR.
  11. Convenção CMR (Transporte por Estrada, NU);
  12. Convenção COTIF (Transporte Ferroviário);
  13. Regras contrato de transporte ferroviário de mercadorias (CIM, CIT);
  14. Organização Intergovernamental para os Transportes Internacionais ferroviários (OTIF);
  15. Câmara Internacional de Navegação (ICS);
  16. Câmara de Comércio Internacional (CCI).

Exemplo:
Corredor de Transporte Mar do Norte-Mediterrâneo (Irlanda, Reino Unido, Países Baixos, Bélgica, Luxemburgo, França)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Globalização e organizações

Organizações económicas e comerciais europeias.

  1. Comissão Económica para a Europa (CEPE);
  2. Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE);
  3. Grupo de Estados contra a Corrupção do Conselho da Europa.

Organizações económicas globais.

  1. Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID);
  2. Banco Asiático de Desenvolvimento (BAsD);
  3. Banco Africano de Desenvolvimento (BAfD);
  4. Nações Unidas (NU)
    1. Conferência sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD);
    2. Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI);
    3. Centro de Comércio Internacional (INTRACEN);
    4. Comissão para o Direito Comercial Internacional (CNUDCI).
  5. Banco Mundial (BM);
  6. Organização Mundial do Comércio (OMC);
  7. Fundo Monetário Internacional (FMI);
  8. Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).

Exemplo:
Convenção Internacional sobre a Harmonização dos Controlos das Mercadorias nas Fronteiras. Comissão Econômica para a Europa

A Confederação Suíça (Europa).

  1. A capital suíça: Berna;
  2. As línguas oficiais da Suíça: o alemão, o francês, o italiano e o romance;
  3. A área suíça: 41.285 quilómetros quadrados;
  4. A população suíça: 8 milhões de habitantes;
  5. Tipo de governo: República parlamentar federal;
  6. As fronteiras da Suíça: a Alemanha, a Áustria, a França, a Itália e o Liechtenstein.

A religião na Suíça: Catolicismo (Cristianismo).

A Suíça pertence à Civilização Cristã-Ocidental (Espaço Económico Europeu).

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Cristianismo e Negócios (catolicismo, protestantismo)

Exemplo:
Corredor de Transporte Atlântico (Portugal-Espanha-França-Alemanha)

A economia suíça.

  1. A Confederação Suíça é o quarto país mais rico e desenvolvido do mundo;
  2. A Suíça é a segunda economia mais competitiva do mundo;
  3. O PIB (nominal) suíço: 650.431 milhões de dólares
    1. A agricultura: 4%;
    2. A indústria: 24%;
    3. Os serviços: 72%.
  4. O PIB per capita da Suíça: 83.718 dólares;
  5. A moeda suíça: o Franco suíço;
  6. Centros financeiros em Zurique, Genebra e Basel. O banco maior suíço é o UBS, e o segundo Credit Suisse;
  7. A Suíça é um dos países menos corruptos do mundo;
  8. Em muitas ocasiões classifica-se a Suíça como um paraíso fiscal;
  9. Na Suíça existe o secreto bancário, garantido pela Constituição;
  10. A Suíça tem grandes multinacionais: UBS, Credit Suisse, Swatch, Nestlé, Novartis, ABB, Adecco, Rolex;
  11. As principais atividades económicas suíças: o setor financeiro, indústria química, instrumentos musicais, produtos agroalimentares, turismo, engenharia;
  12. A Suíça praticamente no tem recursos naturais;
  13. A Suíça é a sede de vários organismos internacionais: a Organização Mundial do Comércio (OMC), a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI), a União Postal Universal, a Cruz Roja, a FIFA, a Comissão de ensino à distância das Nações Unidas (NU);
  14. Na Suíça residem importantes homens e mulheres de negócios de todo o mundo:
    1. A empresaria de origem libanesa Nayla Hayek (Grupo Swatch) é da cidadania Suíça;
    2. A empresaria sul-africana Rapelanga Rabana vendeu a sua empresa a companhia suíça de telecomunicações Telfree;
    3. O banqueiro brasileiro Edmundo Safra criou o Banco de Desenvolvimento de Comércio Exterior em Genebra;
    4. O Diretor gerente do grupo suíço Rothschild é o Doutor Jogishwar Singh (de Religião Sij).

Exemplo:
Associação Europeia de Livre-Comércio -Egito Acordo de Livre-Comércio (curso mestrado doutoramento)

Comércio Exterior (exportações, importações) Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento)

O comércio exterior suíço.

  1. As principais exportações suíças: produtos químicos, eletrónica, instrumentos de precisão, relógios;
  2. O alumínio produzido no Montenegro exporta-se pela Suíça;
  3. Os principais destinos das exportações suíças: a Alemanha, os Estados Unidos, a Itália, a França;
  4. Os principais fornecedores da Suíça: a Alemanha, a Itália, a França;
  5. A companhia suíça Lonrho está a desenvolver o Porto Franco de Luba (Guiné Equatorial);
  6. Sede da Organização Intergovernamental para os Transportes Internacionais ferroviários (OTIF) e do Comité Internacional de Transporte Ferroviário (CIT).

(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página