Organização dos Estados do Caribe Oriental

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo Conteúdo programático da subunidade curricular: Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO)

  1. Introdução à Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO)
  2. Tratado Revisado de Basseterre
  3. Estrutura e a organização
  4. União Económica da Organização dos Estados do Caribe Oriental
  5. Banco Central do Caribe Oriental
  6. União Monetária do Caribe Oriental
  7. Mercado de Capitais
  8. O perfil económico dos estados da Organização dos Estados do Caribe Oriental
  9. Acordo CARIFORUM-União Europeia

Créditos

A subunidade curricular « Organização dos Estados do Caribe Oriental» estuda-se:
  1. Mestrado Profissional em Negócios Internacionais (educação à distancia)
  2. Doutoramento Profissional Negócios na América (EaD)

Idiomas: Português + Inglês Organisation of Eastern Caribbean States Francês Organisation des États da Caraïbe orientale Espanhol OECS Caribe.

Exemplo da subunidade curricular - Organização dos Estados do Caribe Oriental
Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO)

Descrição Descrição da subunidade curricular: Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO).

Em 1981 assinou-se o Tratado de Basseterre que criou a Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECS) por sete países do Caribe Oriental; hoje a OECS é composta por nove países: Antiga e Barbuda, a Comunidade de Dominica, Granada, Montserrate, São Cristóvão e Nevis, Santa Luzia e São Vicente e as Granadinas. Todos eles são membros da CARICOM.

Em 2010 assinou-se o Tratado Revisado de Basseterre

Há dois membros associados da Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO): a Anguila e as Ilhas Virgens Britânicas.

Todos estes países também são membros do Mercado Único e Economia das Caraíbas (CSME) e do Acordo de Associação Económica CARI FORUM-CE (AAE) com a União Europeia.

Outros objetivos da Organização dos Estados do Caribe Oriental são:

  1. Apoiar a integração económica regional
  2. Encorajar a cooperação económica entre os países membros
  3. Harmonizar as políticas fiscais e monetárias
  4. Desenvolver os setores estratégicos dos países membros (a energia, o turismo, a agricultura...)
  5. Desenvolver uma focagem comum no médio ambiente, a saúde, o comércio exterior regional...

Os sete países da Organização dos Estados do Caribe Oriental (OECO) compartilham uma moeda comum, o dólar do Caribe Oriental emitido pelo Banco Central das Caraíbas Orientais.

A Organização dos Estados do Caribe Oriental é uma instituição económica que pertence à Civilização cristã - área Caribenha.



Universidade U-EENI