Fazendo negócios na Moldávia

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo programático da unidade curricular - O comércio exterior e os negócios na Moldávia. Quichinau

  1. Introdução à República da Moldávia
  2. A economia moldava
  3. Os negócios em Quichinau
  4. O comércio exterior moldávio
  5. O investimento direto estrangeiro na Moldávia
  6. O acesso ao mercado moldávio
  7. Plano de negócios para a Moldávia

Os objetivos da unidade curricular «Comércio exterior e fazendo negócios na Moldávia» são os seguintes:

  1. Analisar a economia e o comércio exterior moldávio
  2. Avaliar as oportunidades de negócio no mercado moldávio
  3. Analisar as relações comerciais da Moldávia com o país do estudante
  4. Conhecer os acordos de comércio livre da Moldávia
  5. Desenvolver um plano de negócios para o mercado moldávio
A unidade curricular «Comércio exterior e negócios na Moldávia» estuda-se...:
  1. Doutoramento: Europa
  2. Mestrados à distância profissionais: Negócios Internacionais
  3. Curso: países CEFTA

Língua de estudo: Português + Espanhol Moldavia + Inglês Moldova Francês Moldavie.

  1. Créditos da unidade curricular «Comércio exterior e fazendo negócios na Moldávia»: 1 ECTS
  2. Duração: uma semana

Descrição da unidade curricular: Fazendo negócios na Moldávia

A República da Moldávia (Europa)

  1. A capital: Quichinau
  2. A língua oficial: romeno
  3. A área: 33.851 quilómetros quadrados
  4. A população: 3,6 milhões de pessoas
  5. Tipo de governo: República parlamentar
  6. As fronteiras da Moldávia: a Roménia e a Ucrânia
  7. A Moldávia é um país sem acesso ao mar
  8. A religião da Moldávia: Cristianismo Ortodoxo (Igreja ortodoxa romena)
  9. A Moldávia pertence ao Espaço Económico da Civilização Ortodoxa
  10. A independência: 1991 (União Soviética)

A economia da Moldávia.

  1. A República da Moldávia é um dos países mais pobres da Europa com ingressos per capita similares aos de Nicarágua ou do Gana
  2. O PIB (nominal): 14.820 milhões de dólares
  3. O PIB per capita: 4.177 dólares
  4. A moeda: Leu moldávio
  5. Os principais produtos moldávios: vinho, açúcar refinado, maquinaria agrícola, frigoríficos, têxteis, materiais de construção
  6. 50% dos moldávios dedicam-se a agricultura (batata, cereais, girassol, hortaliças, fumo, videira, beterraba)
  7. O setor vitícola está crescendo consideravelmente
  8. A Moldávia solicitou o seu interesse em ser membro da União Europeia
  9. De acordo com o Índice de liberdade Económica, a Moldávia ocupa o 110º lugar a nível mundial

Acordo de Associação União Europeia-Moldávia

O comércio exterior moldávio.

  1. As principais exportações moldavas: alimentos, têxteis, maquinaria
  2. Os principais mercados das exportações da Moldávia: a Rússia (26%), a Roménia, a Itália e a Ucrânia
  3. As principais importações moldavas: produtos minerais e combustíveis, máquinas e equipamentos, produtos químicos, têxteis
  4. Os principais fornecedores da Moldávia: a Rússia (14%), a Roménia, a Ucrânia e a China

Comércio exterior de produtos UE-Moldávia.

A Moldávia é um país parceiro dentro da Política Europeia de Vizinhança. A União Europeia e a Moldávia tentam estabelecer uma área de livre comércio completa e profunda, quando as condições pertinentes cumpram-se, e expressaram seu compromisso de avançar conjuntamente para esse objetivo.

  1. O total de comércio internacional com Moldávia foi de 1,6 bilhões de euros
  2. A caída do comércio se relaciona com a crise económica mundial de 2009, em términos generais mo entanto as relações União Europeia-Moldávia incrementaram-se nos últimos cinco anos, sobretudo graças as preferências comerciais autónomas concedidas pela União Europeia (UE).
  3. A União Europeia é o parceiro comercial mais importante da Moldávia, com uma quota do 52,3% do seu comércio, seguidos pelos países da Comunidade dos Estados Independentes (37,8%).
  4. As exportações da União Europeia para a Moldávia: 1,1 bilhões de euros
  5. Os produtos importados pela União Europeia originárias da Moldávia: 523 milhões de euros

As relações económicas internacionais da Moldávia

Parceria Oriental da UE

  1. O Acordo Centro-europeu de Livre Comércio (ACELC / CEFTA)
  2. A Comunidade dos Estados Independentes (CEI)
  3. A Organização Regional para a Democracia e o Desenvolvimento Económico (GUAM)
  4. O Acordo de comércio livre Moldávia-Azerbaijão
  5. O Acordo de comércio livre Moldávia-Arménia
  6. O Acordo de comércio livre Moldávia-Georgia
  7. O Acordo de comércio livre Moldávia-Turquia
  8. O Acordo de comércio livre Moldávia-China
  9. O Acordo de comércio livre Moldávia-República Kirguisa
  10. A Cooperação Económica do Mar Negro
  11. As relações União Européia-Moldávia
    1. A Parceria Oriental da UE
    2. O Acordo de Associação União Europeia-Moldávia
    3. A Iniciativa da Europa Central (CEI)
    4. A Sinergia do Mar Negro (UE)
    5. A Política europeia de Vizinhança (UE)
  12. As Nações Unidas
  13. O Conselho de Cooperação Regional
  14. O Banco Mundial
  15. A Organização Mundial do Comércio
  16. A Comissão Económica para a Europa (CEPE)
  17. O Fundo Monetário internacional (FMI)
  18. A Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE)

A Moldávia é um país observador na Comunidade Económica Euroasiática (EurAsEC)

Exemplo da unidade curricular - Fazendo negócios na Moldávia:
Acordo Centro-europeu de Livre Comércio (ACELC / CEFTA)

Comunidade dos Estados Independentes (CEI)

Iniciativa da Europa Central (CEI)

Organização para a Cooperação Económica do Mar Negro (BSEC)



Universidade U-EENIPaz, Não Terrorismo