Mestrado nos Países Emergentes (EAD)

Escola de Negócios EENI & Universidade HA


Início EENI

O Mestrado em Negócios nos Mercados Emergentes a distância (EAD) centra-se em analisar para cada um destes países:

Mestrado nos Países Emergentes e Mercados Fronteiriços ministrado pela EENI Business School & HA Independent University

1- Informação do país: como fazer negócios, o comércio internacional, os fluxos de investimentos (IDE), o transporte e a logística, as alfândegas (aduanas), os acordos de comércio livre (ACL), as organizações económicas regionais...

2- Espaço Económico. Cada um destes países costuma ser uma das principais economias do Espaço Económico ao que pertence:

Espaço Económico Africano. O Espaço Económico Africano tem onze mercados fronteiriços localizados em vários espaços económicos:

  1. O Espaço Económico da África Ocidental.
    1. A Nigéria é a maior economia da África.
    2. Tanto o Gana como a Costa de Marfim são dois mercados fronteiriços e umas economias de rápido crescimento
  2. O Espaço Económico da África Central.
    1. Angola, a maior potência económica regional e com enormes recursos petrolíferos, é considerada como um mercado fronteiriço africano
  3. O Espaço Económico da África Austral.
    1. A Zâmbia, o maior exportador de cobre e cobalto da África, é também um mercado fronteiriço
  4. O Espaço Económico da África Oriental.
    1. No leste da África há quatro mercados fronteiriços: a Etiópia (sede da União Africana), o Quénia (a maior economia regional), o Uganda (forte crescimento económico, designadamente das tecnologias da informação) e a Tanzânia (exportador de ouro, café, algodão...)
  5. O Espaço Económico Magrebino.
    1. Tanto a Argélia (metade da produção do gás da África) como o Marrocos (enclave estratégico: Europa - Magrebe - África Subsariana) são também considerados mercados fronteiriços

Estudante Doutoramento a distância em negócios

O Espaço Económico Árabe.

No Médio Oriente, o Kuwait (com importantes reservas de petróleo e fortes investimentos no exterior) é considerado como um mercado fronteiriço e os Emirados Árabes Unidos (com um PIB per capita similar aos países europeus.) como um mercado emergente.

O Espaço Económico Latino-americano.

  1. Na América do Sul, a Argentina é considerada como um mercado fronteiriço e o Chile como um mercado emergente.
  2. Na região Andina, a Colômbia (a quarta economia latino-americana e com um forte crescimento do IED), o Equador (a oitava economia da América Latina, importantes recursos petrolíferos) e o Peru (um setor agroalimentar muito consolidado, um país aberto cada vez mais para a região da Ásia-Pacífico) são considerados como mercados emergentes.

O Espaço Económico asiático. No mestrado analisam-se três mercados fronteiriços e nove emergentes da Ásia:

  1. O Espaço Económico eurasiático:
    1. O Cazaquistão (uma situação estratégica entre a Rússia, a China e a Índia, a Rota da Seda; importantes recursos petrolíferos) e o Paquistão (importante setor têxtil e automotivo, líder regional da Ásia Central, embora com uma alta incerteza política) são considerados mercados fronteiriços, enquanto o Irão (líder político económico do Islão xiita, processo de abertura a ocidente) e o Bangladesh (posição estratégica Índia-China-ASEAN, importante setor têxtil) são considerados mercados emergentes
  2. A ASEAN.
    1. Na região da Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) há um mercado fronteiriço: o Vietname (importantes reformas económicas, a 21ª economia maior do mundo em 2025) e cinco mercados emergentes: as Filipinas (uma das economias de mais rápido crescimento na Ásia e o único país asiático com maioria católica), a Indonésia (o país com a população maior de muçulmanos do mundo, uma das maiores economias do Sudeste Asiático), a Malásia (uma economia baseada na exportação de produtos manufaturados e um dos países mais competitivos do mundo), Singapura (a segunda economia mais competitiva do mundo, um dos países menos corruptos, grande implantação das multinacionais) e a Tailândia (importante setor automotivo, eletrónica, eletrodomésticos, saúde... e uma localização estratégica para aceder à região do Grande Mekong e do sudeste asiático)
  3. O Espaço Económico Budista.
    1. Além disso, dois países com maiorias budistas: a Coreia do Sul (décima terceira economia mundial e quarta da Ásia; líder mundial na indústria naval, semicondutores, a construção, eletrónica, automotivo...) e Taiwan (a décima sétima maior economia mundial, terceira reservas de divisas do mundo, 69% do PIB taiwanês é gerado pelos serviços, estabilização das relações com a República Popular da China) são considerados como países emergentes

O Espaço Económico Europeu.

A Sérvia (Espaço Económico Ortodoxo, situação privilegiada entre a Europa e a Ásia,) e a Turquia (União aduaneira com a União Europeia, forte produção industrial, em 2023 o setor agrícola turco será um dos cinco principais produtores mundiais, acesso aos mercados da Ásia Central) são considerados como mercados emergentes. Os dos países solicitaram o acesso à União Europeia.

Para cada uma destas áreas económicas serão analisadas as características de cada um dos países que a compõem, as suas relações económicas com os outros países do seu Espaço Económico, bem como os principais tratados de integração e as organizações económicas.

Mestrado a distância: Negócios nos Mercados emergentes

Procedimento de inscrição em linha continuo:

Procedimento de inscrição online

Informação EENI Solicitação de informação do Mestrado






Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Exemplos do Mestrado Negócios nos Mercados Emergentes

Alhaji Dangote Homem mais rico da África (curso)

Área Monetária da África Ocidental (Mestrado)

Curso: Acordo Tripartido COMESA-EAC-SADC África

H.E. Dr. Nkosazana Dlamini-Zuma

Cooperação África-BRICS (Brasil)

União do Magrebe Árabe (UMA)

Maomé Hassan Bensalah, empresário marroquino (curso)

Xeque Maomé Al Amoudi (capitalismo indígena, Arábia, curso)

Argentina Cerveja Quilmes

União de Nações Sul-Americanas (UNASUL)

Curso: Porto Antofogasta Chile

Peru Brasil Bolivia

Bogotá Colômbia Negócios

Mestrado: Comunidade Económica da ASEAN

Triângulo de Crescimento Tailândia-Indonésia-Malásia (ASEAN)

Mercados fronteiriços africanos

União Aduaneira da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC)

  1. Itinerários, diploma e preços do Mestrado em Negócios nos Países Emergentes
  2. Mercados emergentes, fronteiriços e BRICS
  3. Tese do Mestrado em Negócios nos Países Emergentes e nos Mercados Fronteiriços

Estudar mestrado comércio exterior em Inglês Master in Business in Emerging Markets Estudar mestrado negócios internacionais em Francês Master en affaires dans les marchés émergents Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol Master en Negocios en los mercados emergentes



(c) EENI Business School & HA University / Escola de Negócios EENI & Universidade HA (1995-2018)