Escola de Negócios EENI Business School

História de África (século XIX até 1880)


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC): a África do século XIX até 1880 (volume VI da história General de África)

  1. A abolição do tráfico de escravos negros e as suas consequências
  2. A ideologia abolicionista
  3. Os Quakers e William Wilberforce
  4. O Congresso de Viena
  5. A criação da Libéria
  6. O tráfico ilegal
  7. As revoluciones islâmicas (África Ocidental)
  8. Os novos estados africanos
  9. O Mfecane

Exemplo: a África do século XIX até 1880 (história General de África da UNESCO)
Doutoramento Mestrado: História África século XIX 1880
Fonte: UNESCO (história General de África).

A UC «África do século XIX até 1880 (UNESCO)» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):
  1. Mestrado: Negócios na África Subsariana
  2. Doutoramentos (Doutorados): Negócios Africanos, Negócios Islâmicos, Comércio Mundial

Estudante Mestrado / Doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramentos) em Português, comércio exterior Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Histoire Afrique siècle XIX Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais African History XIX Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Historia de África siglo XIX.

Civilização Africana.

Portal África (Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe), Escola de Negócios EENI

Descrição: a África do século XIX até 1880.

Diretor do volume VI (África do século XIX até 1880): J. F. Ade Ajayi (Nigéria)

Temas analisados (África do século XIX até 1880).

  1. As tendências em África no século XIX
  2. A abolição do tráfico de escravos
  3. A emergência dos novos estados africanos
  4. O Mfecane (Chaka, Rei dos Zulus)
  5. A África do Sul: os Boers e os britânicos
  6. A bacia do Zambeze
  7. A África Oriental
  8. A região dos grandes Lagos
  9. O Califado de Sokoto (Usman dan Fodio, no norte da Nigéria)
  10. O Estado de Borno (Nigéria)
  11. A bacia do Congo e de Angola
  12. A renascença egípcia
  13. O Sudão, a Etiópia e a Somália
  14. Madagáscar
  15. O Magrebe: a Tunísia, a Argélia, o Marrocos e a Líbia. A intervenção Europeia
  16. O Saara
  17. As revoluciones islâmicas na África do Oeste
  18. O Império Peul de Macina
  19. O Império tukuloor Torodbe
  20. Senegambia
  21. O laço do Níger e do Volta
  22. O Reino de Dahomey (Benim)
  23. Os Ioruba
  24. Os Camarões e o delta do Níger
  25. A diáspora africana
  26. ...

Autores do volume VI da história General de África da UNESCO (África do século XIX até 1880): J. F. A. AJAYI, Joseph Ki-Zerbo, A. ABDEL-MALEK, S. DAGET, I.N. KIMAMBO, Albert Adu Boahen Kwadwo, S. BAIER, M. H. CHERIF, A. F. ISAACMAN, A. K. MASHINGAIZE, I. WALLERSTEIN, N. BHEBE, L. D. NGCONGCO, D. W. COHEN, J-L VELLUT, A. BATRAN, H. A.IBRAHIM, A. LAROUI, M. LAST, Y. PERSON, I. ASIWAJU, E. J. ALAGOA, A. I. SALIMR. K. P. PANKHURST, P. M. MUTIBWA, N. A. IVANANOV, M. LY-TALL, K. ARHIN, F. W. KNIGHT...

Estados-membros da União Africana: a África do Sul, a Argélia, Angola, o Benim, o Botsuana, o Burquina Faso, Burúndi, os Camarões, Cabo Verde, a República Centro-Africana, o Chade, as Comores, o Congo, a Costa do Marfim, a República Democrática do Congo, Jibuti, Egito, a Eritreia, a Etiópia, a Guiné Equatorial, o Gabão, a Gâmbia, o Gana, a Guiné, a Guiné-Bissau, o Quénia, o Lesoto, a Libéria, a Líbia, Madagáscar, o Maláui, o Mali, a Mauritânia, Maurícia, Moçambique, a Namíbia, o Níger, a Nigéria, Ruanda, a República Árabe Saharaui Democrática, São Tomé e Príncipe, o Senegal, as Seicheles, a Serra Leoa, a Somália, o Sudão, o Sudão do Sul, o Essuatíni (Suazilândia), a Tanzânia, o Togo, a Tunísia, o Uganda, a Zâmbia e o Zimbábue.

Portal Africano da EENI

Mestrados e Doutoramentos em Negócios Internacionais adaptados para os estudantes de Angola, do Brasil, de Cabo Verde, da Guiné-Bissau, de Moçambique, de Portugal e de São Tomé e Príncipe.



(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2021)
Não usamos cookies
Topo da página