Hans Kung: princípios de uma ética global

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo programático da subunidade curricular - Hans Kung (Ética do cristianismo)

  1. O teólogo católico Suíço Hans Kung
  2. A proposta de Hans Kung sobre os princípios de uma ética global
A subunidade curricular "Hans Kung (Líderes espirituais cristãos)" estuda-se:
  1. Doutoramento profissional Ética, Religiões e Negócios à distancia

Materiais do estudo em Es Hans Kung En Hans Kung.

Descrição da subunidade curricular - Hans Kung

O teólogo e sacerdote católico (Cristianismo) suíço Hans Kung nasceu em 1928. Desde 1996 é professor de teologia na Universidade de Tubingen. Em 1962, participou no Concilio Vaticano II como experiente convidado pelo papa João XXIII.

Em 1995, criou a "Fundação para uma ética global".

Suas obras sobre ética e religião propiciaram que em 1979 o próprio Vaticano lhe negasse "sua autoridade para ensinar teologia católica" devido sobretudo a que duvidava do dogma da infalibilidade papal. Em 2005, o Papa Bento XVI lhe receberá reconhecendo publicamente seus trabalhos sobre as religiões e a procura de um modelo da ética global.

A questão de uma ética global deriva-se de livro do professor Hans Kung "Responsabilidade Global" (1990). Este livro desenvolve a ideia de que as religiões do mundo podem fazer uma contribuição à paz da humanidade...

"... Só reflete-se sobre os elementos de uma ética que já têm em comum: um consenso fundamental sobre os valores vinculantes, as normas irrevogáveis e atitudes pessoais" Hans Kung

Subjacente ao projeto da Ética Mundial surge a convicção fundamental de que:

"Não terá paz entre os países sem paz entre as religiões...
Não terá paz entre as religiões sem diálogo entre as religiões...
Não terá diálogo entre as religiões sem conhecer os fundamentos das religiões." Hans Kung

Em 1993 publicou-se a "Declaração para uma ética global ", que foi referendado pelo Parlamento das religiões do mundo em Chicago em 1993, em onde cem anos antes participava Swami Vivekananda, herdeiro espiritual de Sri Ramakrishna.

Com esta declaração, representantes de todas as religiões (Cristianismo, o Budismo, Islão, o hinduísmo, o Jainismo, o Taoismo, o Confucionismo, Zoroastrismo...) chegaram a um acordo sobre os princípios para uma ética global e comprometeram-se a quatro diretoras irrevogáveis, um compromisso com uma cultura de:

  1. A Não-Violência e o respeito à vida
  2. A solidariedade e de uma ordem económica justo
  3. A tolerância e uma vida baseada na veracidade
  4. A igualdade dos direitos e a associação entre homens e mulheres

Harmonia Religiões Ahimsa

O projeto sobre "Ética, Religião e Negócios" dirigido por Pedro Nonell, tem uma focagem diferente baseado em dois princípios (Harmonia das religiões e Ahimsa / Não-Violência), no entanto os fins são idênticos: a procura de um modelo da ética global.

Exemplo da subunidade curricular - Hans Kung - Ética global:
Hans Kung Ética global



EENI Escola de Negócios