Fundo Monetário Internacional (FMI)

EENI- Escola Superior de Negócios Internacionais

Conteúdo Conteúdo programático da unidade curricular - O Fundo Monetário Internacional (Brasil, Angola, Moçambique).

  1. Introdução ao Fundo Monetário Internacional (FMI).
  2. Países membros do FMI.
  3. Organização do Fundo Monetário.
  4. Atividades do Fundo Monetário Internacional:
    - Supervisão
    - Assistência técnica
    - Assistência financeira.
  5. Os direitos especiais de giro (DEG).
  6. Luta contra o branqueamento de capitais (corrupção)
  7. O papel do Fundo Monetário Internacional nas crises económicas.
  8. O Fundo Monetário Internacional, o Banco Mundial e a Organização Mundial do Comércio (OMC).
  9. Relatório económico mundial.

Os objetivos da unidade curricular «Fundo Monetário Internacional (FMI)» são os seguintes:

  1. Entender os objetivos e a organização do Fundo Monetário Internacional
  2. Analisar as principais áreas de atividade do FMI (supervisão, assistência técnica e financeira...)
  3. Entender o conceito de «Direito Especial de Giro (DEG) »
  4. Conhecer o papel do FMI nas crises económicas e na estabilidade financeira mundial
  5. Aprender a utilizar a informação macroeconómica que oferece o FMI
  6. Analisar o papel do Fundo Monetário Internacional no comércio exterior mundial

Créditos

A unidade curricular «Fundo Monetário Internacional» estuda-se:
  1. Mestrado Profissional à distancia em Negócios Internacionais

Idioma de estudo: Inglês International Monetary Found Espanhol Fondo Monetario Francês FMI.

Área de conhecimento: globalização.

Exemplo da unidade curricular - Fundo Monetário Internacional (FMI):
Fundo Monetário Internacional

Descrição Descrição da unidade curricular - O Fundo Monetário Internacional (FMI):

O Fundo Monetário Internacional foi estabelecido em 1945, na Conferência das Nações Unidas realizada em Bretton Woods (New Hampshire) para obter uma economia global mais forte.

O Fundo Monetário Internacional têm sede em Washington (Estados Unidos). O Fundo Monetário Internacional é administrado pelos governos de 188 países membros, que devem ser responsabilizados pelos seus objetivos.

Os principais objetivos do Fundo Monetário Internacional (FMI) são:

  1. Encorajar a cooperação monetária internacional
  2. Facilitar a expansão e o crescimento do comércio internacional
  3. Encorajar a estabilidade dos mercados financeiros
  4. Cooperar na criação de um sistema multilateral de pagamentos
  5. Pôr ao dispor dos estados membros com dificuldades financeiras os recursos técnicos e financeiros do Fundo Monetário Internacional (FMI)

Os recursos do Fundo Monetário Internacional são fornecidos através do pagamento das quotas por parte dos seus países membros.

Direitos especiais de giro.

O Direito especial de giro (DEG) é um ativo de reserva internacional criado em 1969 pelo Fundo Monetário Internacional para complementar as reservas oficiais dos seus países membros. O valor do Direito especial de giro baseia-se em uma cesta de quatro moedas.

Dados do Fundo Monetário Internacional:
- Empregados: 2.635 pessoas de 143 nacionalidades.
- Total de ações: 338.000 milhões de dólares.
- Créditos pendentes: 17.000 milhões de dólares.

Os estados membros Fundo Monetário Internacional são:

Afeganistão
Albânia
Argélia
Angola
Antígua e Barbuda
Argentina
Arménia, a República da
Aruba,

Reino dos Países Baixos
Austrália
Áustria
Azerbaijão, a República da

Bahamas
Barém, o Reino de
Bangladeche
Barbados
Bielorrússia, a República da
Bélgica
Belize
Benim
Butão
Bolívia
Bósnia e Herzegovina
Botsuana
Brasil
Brunei Darussalã
Bulgária
Burquina Faso
Burundi

Camboja
Camarões
Canadá
Cabo Verde
República Centro-Africana
Chade
Chile
China, a República Popular da
Colômbia
Comores
Congo, a República Democrática do
Congo, a República do
Costa Rica
Costa do Marfim
Croácia, a República da
Chipre
República Checa

Dinamarca
Jibuti
Dominica
República Dominicana
Equador
Egito, a República Árabe do
El Salvador
Guiné Equatorial
Eritreia
Estónia, a República da
Etiópia.

Fiji
Finlândia
França

Gabão
Gâmbia
Geórgia
Alemanha
Gana
Grécia
Granada
Guatemala
Guiné
Guiné-Bissau
Guiana

Haiti
Honduras
Hong Kong
Hungria

Islândia
Índia
Indonésia
Irão, a República Islâmica do
Iraque
Irlanda
Israel
Itália

Jamaica
Japão
Jordânia

Cazaquistão
Quénia
Kiribati
Coreia do Sul
Kosovo
Kuwait
República do Quirguistão

Democrática Popular do Laos
Letónia, a República da
Líbano
Lesoto
Libéria
Líbia
Lituânia, a República da
Luxemburgo

Região Administrativa Especial de Macau
Macedónia
Madagáscar
Maláui
Malásia
Maldivas
Mali
Malta
Ilhas Marshall, a República do
Mauritânia
Maurícia
México
Micronésia, os Estados Federados da
Moldávia, a República da
Mongólia
Montenegro, a República da
Marrocos
Moçambique, a República da
Myanmar.

Namíbia
Nepal
O Reino dos Países Baixos
Antilhas Holandesas, o Reino dos
Nova Zelândia
Nicarágua
Níger
Nigéria
Noruega

Omã

Paquistão
Palau, a República da
Panamá
Papua-Nova Guiné
Paraguai
Peru
Filipinas
Polónia
Portugal

Catar

Roménia
Federação Russa
Ruanda

Samoa
São Marino
São Tomé e Príncipe
Arábia Saudita
Senegal
Sérvia, a República da
Seicheles
Serra Leoa
Singapura
A República Eslovaca
Eslovénia
Ilhas Salomão
Somália
África do Sul
Espanha
Sri Lanka
St. Kitts e Nevis
Santa Lúcia
São Vicente e Granadinas
Sudão
Suriname
Suazilândia, o Reino da
Suécia
Suíça
A República Árabe Síria

Tajiquistão, a República da
Tanzânia
Tailândia
Timor-Leste, a República Democrática do
Togo
Tonga
Trindade e Tobago
Tunísia
Turquia
Turcomenistão

Uganda
Ucrânia
Emirados Árabes
Reino Unido
Estados Unidos
Uruguai
Uzbequistão, a República da

Vanuatu
Venezuela, a República Bolivariana da
Vietname

Iémen, a República do

Zâmbia
Zimbábue

Universidade U-EENI