Escola de Negócios EENI Business School

Acordo Estados Unidos-Barém


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC): Acordo de Livre-Comércio Estados Unidos-Barém.

  1. Introdução ao Acordo de Livre-Comércio Estados Unidos-Barém;
  2. Os principais benefícios do Acordo de Livre-Comércio;
  3. O comércio exterior (exportações, importações) estados Unidos-Barém;
  4. As oportunidades de negócios.

Curso Mestrado: Negócios na América Central

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Estudantes Negócios Internacionais, Curso Mestrado Doutoramento

A UC «Acordo de Livre-Comércio (ALC) entre os Estados Unidos e Barém» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Mestrados (MIB): Negócios na Ásia, Países Muçulmanos, América, Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Islâmicos, Negócios Americanos, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Cursos: Negócios nos Estados Unidos, Médio Oriente.

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Estados Unidos-Bahrein Em United States-Bahrain Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Etats-Unis.

اتفاق الولايات المتحدة - البحرين.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios no Médio Oriente

Exemplo:
Estados Unidos-Barém (Acordo de Livre-Comércio):
Acordo de Livre-Comércio Estados Unidos-Barém

Acordo de Livre-Comércio (ALC) Estados Unidos-Barém:

O Acordo de Livre-Comércio Estados Unidos-Barém entrou em vigor em 11 de Janeiro de 2006.

100% do Comércio exterior de produtos industriais e de consumo é livre de direitos aduaneiros de importação.

Principais oportunidades de negócio derivadas do Acordo de livre-comércio Estados Unidos-Barém:

  1. O turismo;
  2. As telecomunicações;
  3. O Transporte internacional;
  4. A eletricidade e a água;
  5. Os portos e os serviços aeroportuários;
  6. O petróleo e o gás;
  7. Os serviços postais;
  8. Os serviços municipais;
  9. A Bolsa de Valores.

Enquanto o Barém é um mercado comparativamente pequeno para as mercadorias e os serviços norte-americanos devido à sua pequena população, é idealmente localizado para servir como uma plataforma para entrar aos outros mercados da região (a Arábia Saudita, os Emirados, o Catar...).

  1. O Barém é membro do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG);
  2. O Barém é uma das economias mais diversificadas do Golfo Pérsico;
  3. A Fundação Heritage classifica ao Barém como a décima economia mais livre do mundo - a maior na região.

O comércio exterior Barém-Estados Unidos.

  1. As exportações norte-americanas para o Barém foram de 1.250 milhões de dólares, um incremento do 87 %, com um superávite comercial de 829.000 milhões de dólares;
  2. As importações estadunidenses do Barém foram de 420 milhões de dólares (uma caída do 9,4 %);
  3. Barém é na atualidade o 82º mercado de exportação dos produtos norte-americanos;
  4. O estoque de investimento estrangeiro direto (IED) dos Estados Unidos no Barém foi de 281 milhões de dólares;
  5. Os principais produtos de exportação estadunidenses para o Barém: aeronaves e veículos de motor, mecânicos e elétricos e equipas médicos;
  6. Mais de 180 empresas dos Estados Unidos estão representadas atualmente no Barém..

O Acordo de Livre-Comércio (ALC) do Barém com os Estados Unidos são um acordo intercivilizatório entre o Espaço Económico Árabe da Civilização Islâmica e o Espaço Económico Norte-americano da Civilização Cristã-Ocidental - Americana.

Acordos de Livre-Comércio (ALC) dos Estados Unidos: União Europeia, Lei de Crescimento e Oportunidades para a África (AGOA), UEMOA (Guiné-Bissau), COMESA...


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página