Escola de Negócios EENI Business School

Equador, Acordos de Livre-Comércio


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - As organizações económicas regionais e os acordos de livre-comércio (ALC) do Equador.

  1. A Comunidade Andina;
  2. A Associação Latino-Americana de Integração (ALADI);
  3. O MERCOSUL (Associado);
  4. A Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América (ALBA);
  5. A União de Nações Sul-Americanas (UNASUL);
  6. O Sistema Económico Latino-Americano (SELA);
  7. Os acordos da Comunidade Andina: o MERCOSUL, o Chile, o México, Panamá, a União Europeia (UE), a Índia, a China e a Rússia;
  8. O Acordo de Complementação Económica com o Chile.

Exemplo:
Equador: as relações económicas internacionais e os acordos
União de Nações Sul-Americanas (UNASUL) Argentina, Brasil, Bolívia, Colômbia, Chile, Equador, Guiana, Paraguai...

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Estudante doutoramento / mestrado, negócios internacionais, comércio exterior

A UC «Os Acordos de Livre-Comércio do Equador» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Americanos, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Curso: negócios nos Países andinos.

Mestrados (MIB): Negócios na América, Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior ou Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Ecuador Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Ecuador Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Equateur.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios nos países Andinos

  1. Acordo Chile-Equador;
  2. Acordo de Livre Comércio e Integração Económica Reino Unido-Equador-Peru;
  3. Acordo de Complementação Económica México-Equador.

Exemplo:
Comunidade Andina, Bolívia, Colômbia, Equador, Peru. Tarifa Integrada Andina

Os Acordos de Livre-Comércio do Equador como um membro da Comunidade Andina:

  1. Comunidade Andina;
  2. Equador-MERCOSUL (Brasil);
  3. Equador-México;
  4. Equador-Panamá;
  5. Equador-Índia;
  6. Equador-China;
  7. União Europeia-Equador;
  8. Equador-Rússia;
  9. Equador-Chile;
  10. Acordo de Livre-Comércio El Salvador-Equador.

Exemplo:
Acordo comercial Colômbia-Peru-União Europeia

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Integração da América Latina

As organizações económicas regionais do Equador.

  1. MERCOSUL (Associado);
  2. Associação Latino-Americana de Integração (ALADI);
  3. Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América (ALBA) (retirou-se em 2018);
  4. Organização dos Estados Americanos (OEA);
  5. União de Nações Sul-Americanas (UNASUL);
  6. Conselho de Cooperação Económica do Pacífico (PEEC);
  7. Sistema Económico Latino-Americano (SELA);
  8. Fórum de Cooperação América Latina-Ásia do Leste (Equador) (FEALAC);
  9. Cúpula América do Sul (Equador)-África;
  10. Sistema de preferências generalizadas (SGP+);
  11. Cúpula América do Sul (Equador) Países árabes;
  12. Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID);
  13. Comissão Económica para a América Latina e as Caraíbas (CEPAL);
  14. Fundo OPEP para o Desenvolvimento Internacional (OFID);
  15. Comunidade dos Estados Latino-americanos e Caribenhos (CELAC);
  16. Cimeira União Europeia-CELAC.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Globalização e organizações

  1. Nações Unidas (NU);
  2. Banco Mundial (BM);
  3. Fundo Monetário Internacional (FMI);
  4. Organização dos Países Exportadores de Petróleo;
  5. Associação dos Estados das Caraíbas (AEC) - país observador;
  6. Aliança do Pacífico (país candidato);
  7. Sistema de Integração Centro-Americana (SICA) - país observador.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Facilitação do Comércio

Facilitação do comércio exterior.

  1. Organização Mundial do Comércio (OMC)
    1. Acordo Geral sobre o Comércio de Serviços (AGCS);
    2. Acordo de Facilitação do Comércio (AFC);
    3. Acordo de Aplicação de Medidas Sanitárias e Fitossanitárias (MSF);
    4. Acordo de Inspeção Pré-embarque (PSI);
    5. Acordo de Barreiras Técnicas ao Comércio (OTC);
    6. Acordo de Salvaguardas (SG).
  2. Organização Mundial das Alfândegas (OMA)
    1. Convenção de Quioto Revisada (CQR).
  3. Oficina Internacional de Contentores e Transporte Intermodal (BIC);
  4. Organização da Aviação Civil Internacional (Convenção de Chicago, OACI);
  5. Organização Marítima Internacional (IMO)
    1. Convenção Internacional relativa à Seguridade dos contentores (CSC);
    2. Convenção relativa à Admissão Temporária (Convenção de Istambul) - Não membro.
  6. Convenção relativa ao Transporte Marítimo de Mercadorias (Regras de Hamburgo, NU).

O Equador realizou negociações para a assinatura de um Acordo de Livre-Comércio com os Estados Unidos.

Exemplo:
Associação Latino-Americana de Integração (ALADI) Convénio de Pagamentos e Créditos Recíprocos, Brasil

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Globalização e organizações

Organizações económicas globais.

  1. Nações Unidas (NU)
    1. Conferência sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD);
    2. Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI);
    3. Centro de Comércio Internacional (INTRACEN);
    4. Comissão para o Direito Comercial Internacional (CNUDCI).
  2. Banco Mundial (BM);
  3. Organização Mundial do Comércio (OMC);
  4. Fundo Monetário Internacional (FMI).

Exemplo:
Sistema Económico Latino-Americano (SELA) Argentina, Brasil, Chile, Uruguai...

O Acordo de Complementação Económica (29) entre o México e o Equador. O Equador importou 303 milhões de dólares. Em correspondência, só conseguiu exportar para o México 57 milhões de dólares.

Entre o 19 e 21 de Junho de 2006, teve lugar no Ministério de relações Exteriores a IV Rodada de Negociações entre o Equador e o Chile sobre a liberalização do comércio exterior de serviços transfronteiriços, cujos objetivos eram realizar uma revisão da lista de medidas desconformes do Equador, revisar os anexos ao regulamento sobre Serviços negociada com o Chile nas rodadas de negociação anteriores e concluir as negociações sobre o regulamento do acordo.


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página