Escola de Negócios EENI Business School

Unidades (Curso Assistente de Comércio Exterior)


Compartilhar por Twitter

Conteúdo detalhado das unidades curriculares do Curso de Aperfeiçoamento de Assistente de Comércio Exterior.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Assistente de Comércio Exterior

Conteúdo detalhado das unidades curriculares do Curso de Aperfeiçoamento de Assistente de Comércio Exterior Online ministrado pela EENI Global Business School (Escola de Negócios).

Curso em Assistente de Comércio Exterior (EAD)

Faça o download em PDF do conteúdo programático do curso.

Informação Escola Negócios EENI Business School (Cursos Mestrados Doutoramentos) Inscreva-se / Solicitação de informação.

Estudante Doutoramento à distância em Negócios Internacionais

Unidades curriculares do Curso de Aperfeiçoamento de Assistente de Comércio Exterior

ECTS = Sistema Europeu de Transferência e Acumulação de Créditos.

Introdução ao comércio exterior: exportações e importações (1 ECTS).

  1. Introdução ao comércio exterior;
  2. As vantagens da exportação;
  3. Os recursos necessários para exportar;
  4. O início da atividade exportadora;
  5. O processo exportador;
  6. As empresas exportadoras.

Os objetivos da UC «introdução ao comércio exterior» são os seguintes:

  1. Compreender os conceitos fundamentais do comércio exterior (exportações, importações);
  2. Analisar as vantagens da exportação e os riscos de não exportar;
  3. Definir o processo de iniciação da atividade exportadora bem como estimar os recursos necessários.

Documentos de comércio exterior (1 ECTS).

  1. A função dos documentos no transporte internacional e no comércio exterior (exportações, importações);
  2. Documentos comerciais (proforma, fatura, lista de embarque...);
  3. Documentos de origem;
  4. Documentos de transporte internacional;
  5. Outros documentos do comércio exterior (exportações, importações).

Os objetivos da UC «Documentos de comércio exterior» são os seguintes:

  1. Conhecer a função dos principais documentos utilizados nas importações e nas exportações;
  2. Saber como preenchê-los adequadamente;
  3. Saber fazer os check-list dos documentos de comércio exterior (exportações, importações).

Exemplo:
Exportação de Peixe Angola (Comércio Exterior)

Incoterms® 2020 (2 ECTS).

  1. Introdução aos Incoterms® 2020;
  2. Análise dos Incoterms® 2020;
  3. As principais alterações no Incoterms® 2020
    1. A revisão do Incoterms® FCA (Franco transportador / Free Carrier);
    2. A mudança de DAT (Entregue no Terminal) para DPU (Entregue no Local Descarregado);
    3. Os diferentes níveis de cobertura de seguro no CIF e CIP;
    4. Os custos associados a cada Incoterm (artigo A9 / B9).
  4. O transporte internacional e os Incoterms® 2020;
  5. Os Incoterms® 2020 para o transporte marítimo: FAS (Franco ao longo do navio), FOB (Franco a bordo), CFR (Custo e frete), CIF (Custo, seguro e frete);
  6. Os Incoterms® 2020 para qualquer tipo de transporte: EXW (Na fábrica) - FCA (Franco transportador) - CPT (Porte pago até) - CIP (Porte e seguro pagos até) - DAP (Entregue no local) - DPU (Entregue no Local Descarregado) - DDP (Entregue com direitos pagos, local de destino designado);
  7. Os Incoterms® 2020 substituídos: DAF, DES, DEQ e DDU;
  8. Como utilizam-se os Incoterms?;
  9. Os critérios de seleção dos Incoterms® 2020.

Exemplo:
Incoterms® 2020: EXW FAS FCA FOB CFR CIF CPT CIP DEQ (Comércio Exterior)

Os objetivos da UC «Incoterms® 2020» são os seguintes:

  1. Compreender a importância dos Incoterms® 2020 no comércio exterior (exportações, importações);
  2. Saber que Incoterms® 2020 são os mais adequados para os diferentes meios de transporte internacional;
  3. Saber calcular os preços em função dos Incoterms® 2020;
  4. Conhecer o risco, o custo e os trâmites necessários em função do Incoterm selecionado.

Aduanas (alfândegas) (4 ECTS).

  1. As alfândegas (aduanas) no comércio exterior (exportações, importações);
  2. Classificação aduaneira;
  3. Regime aduaneiro;
  4. A função do agente de aduanas;
  5. Desembaraço aduaneiro;
  6. Inspeção dos produtos nas aduanas;
  7. Origem dos produtos;
  8. Banco de dados de acesso ao mercado da UE;
  9. Nações Unidas.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Facilitação do Comércio

Facilitação do comércio exterior.

  1. Acordo de Facilitação do Comércio (AFC);
  2. Convenção Internacional para a Simplificação e Harmonização dos Regimes Aduaneiros (UNECE);
  3. Protocolo Relativo às Negociações Comerciais (PTN);
  4. Sistema Global de Preferências Comerciais entre os Países em Desenvolvimento (GSTP).

Organização Mundial das Alfândegas (OMA).

  1. Sistema Harmonizado (SA);
  2. Regras de origem;
  3. Acordo sobre Regras de Origem da Organização Mundial do Comércio;
  4. Facilitação do comércio;
  5. Procedimentos aduaneiros;
  6. Pacote SAFE;
  7. Convenção de Quioto Revisada (CQR).

A Organização Mundial do Comércio e as alfândegas.

  1. A Organização Mundial do Comércio e as aduanas;
  2. Normas para a valoração aduaneira de produtos;
  3. Valor de transação:
    1. Transação de mercadorias idênticas;
    2. Método dedutivo;
    3. Valor reconstruído;
    4. Última instância.
  4. Normas de origem;
  5. Licencias de importação;
  6. Os acordos da OMC relativos aos Obstáculos Técnicos ao Comércio (OTC), Medidas Sanitárias e Fitossanitárias (SPS), Inspeção Pré-Embarque.

Os objetivos da UC «Aduanas» são os seguintes:

  1. Compreender o funcionamento das aduanas no comércio exterior, os diferentes regimes comerciais e os métodos de classificação de produtos;
  2. Compreender os conceitos fundamentais relacionados com as aduanas: despacho aduaneiro, avaliação aduaneira, barreiras não tarifárias, inspeção pré-embarque, origem de uma mercadoria, Sistema Harmonizado, processos aduaneiros..;
  3. Conhecer o processo de importação de um produto e os regimes aduaneiros;
  4. Compreender as funções da Organização Mundial das Alfândegas (OMA) e da Organização Mundial do Comércio em relação às aduanas.

Exemplo:
Sistema Harmonizado (SH) Curso Mestrado

Departamento de Exportação (1 ECTS).

  1. Introdução ao Departamento de exportação;
  2. As funções e a estrutura do departamento de exportação;
  3. A organização de um departamento de exportação;
  4. O gerente de exportação (Export Manager);
  5. Back Office de Comércio exterior (exportações, importações);
  6. O secretário (a) do departamento de exportação;
  7. As estratégias de negociação e as vendas internacionais;
  8. Caso de estudo: análise dos departamentos de exportação de empresas brasileiras:
    1. Bunge;
    2. BRF Brasil Foods;
    3. Minerva;
    4. CENIBRA;
    5. Grupo Marfrig.

Os objetivos da UC «O departamento de exportação» são os seguintes:

  1. Compreender o funcionamento e a organização de um departamento de comércio exterior;
  2. Saber dimensionar o departamento de exportação necessário;
  3. Definir os perfis necessários do departamento de exportação.

Introdução ao transporte e à logística internacional (5 ECTS).

Transporte e logística internacional. Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento)

  1. Introdução ao transporte e à logística internacional;
  2. Logística internacional e comércio exterior (exportações, importações);
  3. Cadeia do transporte internacional;
  4. Operador Económico Autorizado;
  5. Critérios de seleção do meio de transporte internacional;
  6. Custos e seguro do transporte internacional;
  7. Documentos de transporte relacionados ao comércio exterior (exportações, importações);
  8. Embalagem de exportação.

Federação Internacional das Associações de Transitários (FIATA).

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Transporte Multimodal

  1. Conhecimento de Embarque Multimodal Negociável (FIATA FBL);
  2. Conhecimento de embarque eletrónico FIATA;
  3. Conhecimento de Embarque Multimodal não-negociável (FIATA FWB);
  4. Certificado de Receção do Transitário (FIATA FCR);
  5. Certificado de Transporte do Transitário (FIATA FCT);
  6. Certificado de Depósito (FIATA FWR).

Exemplo:
Conhecimento de Embarque Multimodal Negociável (FIATA FBL) Federação Internacional das Associações de Transitários

Contentores e Transporte Internacional.

  1. Convenção Aduaneira relativa aos Contentores (CCC, NU);
  2. Convenção Internacional relativa à Seguridade dos contentores (CSC);
  3. Convenção relativa à Admissão Temporária.

Os objetivos da UC «Introdução ao transporte e à logística internacional» são:

  1. Ter uma visão global da logística e do transporte internacional aplicado ao comércio exterior (exportações, importações);
  2. Compreender o funcionamento da cadeia global do transporte;
  3. Conhecer as diferentes técnicas de embalagem de exportação e a importância dos contentores;
  4. Compreender os conceitos-chave relacionados aos documentos, custos e seguro do transporte internacional;
  5. Analisar os principais documentos da Federação Internacional das Associações de Transitários (FIATA).

Créditos documentários e meios de pagamentos internacionais (4 ECTS).

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Créditos documentários / Financiamento internacional

  1. Introdução aos meios de pagamento internacionais;
  2. Remessa simple e remessa documentaria;
  3. A importância dos créditos documentários no comércio exterior
    1. Carta de Crédito;
    2. Tipos, modalidades e variantes dos créditos documentários;
    3. Análise do conteúdo de uma carta de crédito;
    4. Análise dos créditos documentários;
    5. UCP 600;
    6. E-UCP.
  4. Convenções das Nações Unidas relativas aos meios de pago internacionais
    1. Convenção relativa as Garantias Independentes e as Cartas de Crédito Contingente;
    2. Convenção relativa as Cartas de Intercâmbio Internacional e Notas Promissórias Internacionais;
    3. Convenção relativa a Atribuição de créditos no Comércio Internacional.
  5. Lei Modelo da CNUDCI relativa as Transferências Internacionais de Crédito.

Os objetivos da UC «os créditos documentários e as formas de pago internacionais» são os seguintes:

  1. Analisar os diferentes meios de pago utilizados no comércio exterior;
  2. Compreender a função fundamental dos créditos documentários no comércio exterior bem como o seu funcionamento e modalidades;
  3. Saber gerir uma operação de comércio exterior através de um crédito documentário.

Exemplo:
Carta de Crédito

Estudo de mercados internacionais (2 ECTS).

  1. Introdução as pesquisas de mercados internacionais;
  2. Os métodos de realização de uma pesquisa de mercado internacional;
  3. Análise quantitativa;
  4. Os métodos qualitativos;
  5. O quê exportar?;
  6. Para onde exportar?;
  7. Como exportar?;
  8. Análise PEST (Político-Legal, económico, sociocultural, tecnológico);
  9. Análise de pesquisas de mercados internacionais;
  10. Análise de um mercado usando a ferramenta de acesso ao mercado (MADB) da União Europeia;
  11. Rentabilidade do mercado;
  12. Potencial de vendas nos mercados exteriores.

Inclui a ferramenta de Acesso ao mercado:
Acesso ao mercado (Mestrado Comércio Exterior)

Os objetivos da UC «As pesquisas de mercados internacionais» são os seguintes:

  1. Compreender a importância das pesquisas de mercados internacionais nas estratégias de internacionalização;
  2. Saber analisar uma pesquisa de mercado internacional;
  3. Saber como usar a análise PEST (Político, Económico, Social e Tecnológico).

Exemplo:
Pesquisa de mercados internacionais

Cálculo de preços de exportação (1 ECTS).

  1. A política de preços internacional;
  2. As estratégias de preços internacionais;
  3. O ciclo de vida de um produto e a política de preços internacional;
  4. Os preços internacionais e os Incoterms® 2020;
  5. Análise dos preços da concorrência;
  6. As possibilidades disponíveis para o exportador;
  7. Cálculo de preços de exportação;
  8. As estratégias de preços e o e-business;
  9. Casos de estudo:
    1. Cálculo de preços de exportação de um móvel;
    2. A política de preços de exportação em função da inflação;
    3. Uma estratégia de preços para a América Latina;
    4. Grupo Camargo Corrêa - Havaianas.

Os objetivos da UC «Os preços de exportação» são os seguintes:

  1. Compreender a importância de uma correta estratégia de preços internacionais;
  2. Saber desenhar uma estratégia de preços internacionais e avaliar a sua repercussão no marketing mix internacional;
  3. Saber calcular os preços de exportação para diferentes mercados.

Exemplo:
Estratégias de preços internacionais (curso mestrado doutoramento)

Curso negócios comércio EAD em Espanhol Curso Asistente de Comercio Exterior Estudar Curso comércio exterior em Inglês Course: Foreign Trade Assistant Estudar Curso negócios internacionais em Francês Cours: assistant de commerce international.


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página