Iniciativa da Europa Central

EENI- Universidade Hispano-Africana - Escola de Negócios


Início EENI

Conteúdo programático da unidade curricular: a Iniciativa da Europa Central (CEI)

  1. Introdução à Iniciativa da Europa Central
  2. Os fundos e os instrumentos da Iniciativa da Europa Central
  3. As áreas da atividade da Iniciativa da Europa Central
  4. Caso de estudo: o Corredor logístico Pan-europeu VIII

Os objetivos da unidade curricular «A Iniciativa da Europa Central (CEI / IEC)» são os seguintes:

  1. Compreender os objetivos e as funções da Iniciativa da Europa Central
  2. Conhecer as áreas da cooperação
  3. Analisar o corredor pan-europeu VIII
A unidade curricular «A Iniciativa da Europa Central» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior (Doutoramentos, Mestrados, Licenciaturas) à distância da EENI (Escola de Negócios) e da Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais:
  1. Doutoramento: Europa
  2. Licenciatura em Comércio Internacional
  3. Mestrados à distância: Europa, Negócios Internacionais, Comércio Exterior
  4. Cursos: países CEFTA, Relações Internacionais da UE
  5. Pós-Graduação: Europa Oriental

Língua de estudo: Educação superior em Inglês Central Europe Initiative Educação superior em Espanhol Europa Central.

Descrição da unidade curricular (Ensino superior) - A Iniciativa da Europa Central (CEI):

A Iniciativa da Europa Central (CEI) é o maior Fórum de Cooperação regional entre os dezoito Estados-membros da Europa Central, Oriental e Sul - Oriental. Desde a sua criação, a Iniciativa da Europa Central tem estado trabalhando forte para cumprir o seu mandado: o fomento do desenvolvimento político e socioeconómico da região, destinado a evitar novas linhas de divisão na Europa.

A região da Europa Central abrange um território de 2,4 milhões de quilómetros quadrados e uma população de 260 milhões de habitantes.

A Iniciativa da Europa Central tem nove membros pertencentes à União Europeia e nove não pertencentes à União Europeia (UE):

  1. Os Estados-membros pertencentes à União Europeia (UE): a Áustria, a Bulgária, a Croácia, a República Checa, a Hungria, a Itália, a Polónia, a Roménia, a Eslováquia, a Eslovénia
  2. Não pertencentes à União Europeia (UE): a Albânia, a Bielorrússia, a Bósnia e Herzegovina, a Macedónia, a Moldávia, o Montenegro, a Sérvia, a Ucrânia.

No atual processo do alargamento da União Europeia destaca o papel da Iniciativa da Europa Central como um canal de comunicação entre os países comunitários e não comunitários.

A Iniciativa das Câmaras do comércio exterior da Europa Central atua como um fórum regional para a cooperação entre as Câmaras de Comércio em todos os Estados-membros da região Centro-Europeia.

O VII corredor pan-Europeu abrange uma área do sul da Europa do Leste em onde a infraestrutura de transporte é tradicionalmente débil. As conexões pela estrada são insuficientes, tanto na Albânia e na Macedónia.

O Corredor VIII une as regiões do mar Adriático - Iônico com as regiões dos Balcãs e dos países do Mar Negro e procura encorajar o comércio exterior na região.

Exemplo da unidade curricular - A Iniciativa da Europa Central (CEI):
Iniciativa da Europa Central (CEI)



(c) EENI- Escola de Negócios & Universidade Hispano-Africana de Negócios Internacionais (1995-2018)