Escola de Negócios EENI Business School

Banco Asiático de Desenvolvimento


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - O Banco Asiático de Desenvolvimento.

  1. Introdução ao Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD)
    1. Objetivos, Estrutura e Operações do Banco Asiático de Desenvolvimento;
    2. Recursos financeiros. Fundos.
  2. Estratégia de Desenvolvimento Nacional do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  3. Estratégia 2030: Alcançar uma Ásia e um Pacífico prósperos, inclusivos, resilientes e sustentáveis;
  4. Resposta do Banco Asiático de Desenvolvimento ao COVID-19 (Coronavírus);
  5. Perspectivas de Desenvolvimento Asiático;
  6. Principais indicadores para a região Ásia-Pacífico;
  7. Cooperação e integração económica regional asiática;
  8. Acordos de livre comércio asiáticos;
  9. Projeto da Sub-região do Grande Mekong (GMS);
  10. O impacto do conflito comercial no desenvolvimento da Ásia;
  11. Projetos e programas do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  12. Ciclo de Projetos do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  13. Projetos de transporte asiático e o Banco de Desenvolvimento Asiático;
  14. Programa de Financiamento do Comércio (TFP) do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  15. Fundo Asiático de Desenvolvimento.

Os objetivos da UC «O Banco Asiático de Desenvolvimento» são:

  1. Compreender os objetivos, a estrutura, as operações e a Estratégia 2030 do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  2. Identificar as áreas de cooperação do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  3. Avaliar os fundos (Fundo de Desenvolvimento da Ásia...) e os instrumentos financeiros do Banco Asiático de Desenvolvimento;
  4. Analisar os principais indicadores económicos da Ásia-Pacífico e as perspectivas asiáticas sobre desenvolvimento económico;
  5. Analisar as perspectivas de desenvolvimento da Ásia e o impacto do COVID;
  6. Compreender a cooperação e a integração económica regional na região Ásia-Pacífico;
  7. Aprender sobre os acordos de livre comércio da Ásia;
  8. Compreender o ciclo do projeto do Banco Asiático de Desenvolvimento.

Exemplo:
O Banco Asiático de Desenvolvimento:
Banco Asiático de Desenvolvimento (acordos de livre comércio da Ásia)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Organizações Asiáticas

Estudantes, Comércio Exterior Mestrado Doutoramento

A UC «O Banco Asiático de Desenvolvimento» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Mestrados (MIB): Negócios Internacionais, Comércio Exterior, Ásia.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Asiáticos, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior ou Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Asian Development Bank Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Banco Asiático Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Banque Asiatique.

  1. Créditos da UC «O Banco Asiático de Desenvolvimento»: 1 ECTS;
  2. Duração: 1 semana.

Qual é o objetivo do Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD)?

Exemplo:
Ciclo de projetos do Banco Asiático de Desenvolvimento
ADB Ciclo de projetos

O Banco Asiático de Desenvolvimento.

O Banco Asiático de Desenvolvimento é uma instituição multilateral de financiamento para o desenvolvimento dedicado à redução da pobreza na Ásia e no Pacífico.

O Banco Asiático de Desenvolvimento foi estabelecido em 1966, o formam 68 membros, na sua maioria da Ásia.

O objetivo do Banco Asiático de Desenvolvimento é melhorar o bem-estar da população da Ásia e do Pacífico, especialmente dos 900 milhões de pobres que vivem com menos de um dólar por dia.

No âmbito da estratégia de 2030, o Banco Asiático de Desenvolvimento vai seguir três agendas estratégicas complementares:

  1. O crescimento inclusivo;
  2. O crescimento ambientalmente sustentável;
  3. A integração regional (comércio exterior).

Os países asiáticos que são membros do Banco Asiático de Desenvolvimento são Afeganistão, Arménia, Azerbaijão, Bangladeche, Butão, Brunei Darussalã, Camboja, Coreia do Sul, China, Filipinas, Ilhas Cook, Ilhas Fiji, Salomão, Geórgia, Hong Kong, Índia, Indonésia, Japão, Cazaquistão, Kiribati, Nauru, Laos, Malásia, Maldivas, Ilhas Marshall, Micronésia, Mongólia, Mianmar, Nova Zelândia, Nepal, Paquistão, Palau, Papua-Nova Guiné, Quirguistão, Uzbequistão, Samoa, Singapura, Sri Lanka, Tajiquistão, Taiwan, Tailândia, Timor Leste, Tonga, Turquemenistão, Tuvalu, Vanuatu, Vietname.

Membros não regionais: Alemanha, Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Noruega, Países Baixos, Portugal, Reino Unido, Suécia, Suíça, Turquia.

O Banco Asiático de Desenvolvimento:
- Criado em 1966
- Membros: 68
- Membros regionais: 49
- Membros não regionais: 19
- Escritórios de campo: 27
- Total de empregados: 2.500 +
- Nacionalidades ocupadas: 50 +
- Total de créditos: 10,5 bilhões de dólares
- Total de bolsas: 811,4 milhões de dólares
- Assistência técnica: 274,5 milhões de dólares
- Assistência ao setor privado: 1,5 bilhões de dólares.

O Banco Asiático de Desenvolvimento segue levando a cabo atividades para a promoção e o crescimento económico, desenvolver os recursos humanos, melhorar a situação da mulher, e proteger o meio ambiente. Outros objetivos de desenvolvimento, como o direito e a política de reformas, a cooperação regional, o desenvolvimento do setor privado, e o desenvolvimento social, igualmente contribuem de maneira importante a este objetivo principal.

O Banco Asiático de Desenvolvimento leva a cabo as seguintes atividades nos seus países-membros em desenvolvimento:

  1. Outorga créditos;
  2. Facilita assistência técnica para a programação e a execução dos projetos e programas dos DMC e para prestar assessoramento;
  3. Outorga doações;
  4. Promove e facilita investimentos de capital público e privado;
  5. Operações de cofinanciamento e de garantia;
  6. Operações do setor privado.

A Índia é o maior emprestador, seguida da República Popular da China, do Paquistão, do Bangladeche e do Sri Lanka.

O Fundo Asiático de Desenvolvimento nutre-se das doações (cobrindo um período de quatro anos) recebidas regularmente tanto dos países-membros regionais como não regionais. Os ciclos de doações recebem o nome de «Replenishment» e determinam-se segundo as negociações entre os países doadores e o Banco Asiático de Desenvolvimento.

O ciclo de projetos do Banco Asiático de Desenvolvimento.

Todas as etapas pelas que passa um projeto desde a sua identificação até a sua posta em marcha e finalização denominam-se o ciclo de projeto. O ciclo de projeto do Banco Asiático de Desenvolvimento não difere das outras instituições multilaterais. Geralmente é mais fácil obter informação e influir nas decisões quando o projeto é nas primeiras fases de conceção.

Temas disponíveis em inglês Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais:
- As regiões e os países.
- indicadores-chave para a Ásia e Pacífico.
- Relatório sobre o desenvolvimento económico na Ásia.


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página