Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África

Escola de Negócios EENI & Universidade HA

Conteúdo programático da unidade curricular - O Banco Árabe para o desenvolvimento económico da África (BADEA).

  1. Introdução ao Banco Árabe para o desenvolvimento económico da África (BADEA)
  2. A estrutura do Banco Árabe BADEA
  3. Os projetos financiados pelo Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA). A Guiné-Bissau
  4. O Plano do Sétimo Programa Quinquenal BADEA (2015 - 2019) (*)
  5. O Programa de financiamento das exportações BADEA (BEFS) (*)
  6. O Fórum de empresárias árabes e africanas (*)
  7. Os Fundos Árabes para o Desenvolvimento

(*) Só disponível em inglês.


A unidade curricular «O Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA)» estuda-se nos seguintes programas de ensino superior à distância (EAD) da Escola de Negócios EENI & Universidade HA:
  1. Curso: Islão, Ética e Negócios, relações internacionais da África
  2. Mestrados: Negócios Internacionais, Comércio Exterior, Países Muçulmanos, África Subsariana, Religiões e Negócios
  3. Doutoramentos: África, Mercados Muçulmanos, Comércio Global, Ética, Religiões e Negócios

Estudante Mestrado em comércio exterior online

Língua de estudo: Ensino superior à distância em Português ou Estudar mestrado comércio exterior em Inglês Arab Bank for Economic Development in Africa BADEA Estudar mestrado negócios internacionais em Francês Banque arabe pour le développement économique en Afrique Mestrado negócios comércio EAD em Espanhol Banco Árabe para el Desarrollo Económico de África BADEA.

Cooperação África-Países árabes.

Exemplo da unidade curricular online - O Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA)
Curso Mestrado: Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA)





Tweter.png Tweet 
Envie para um amigo:

/ / Envie-nos um WhatsApp / Contactar Skype / Contato por telefone / Print /
Info EENI Voltar

Portal Africano da Escola de Negócios EENI & Universidade HA
Portal África, Escola de Negócios EENI & Universidade HA

Descrição da unidade BADEA: o Banco Árabe para o desenvolvimento económico da África:

Em 1973 criou-se o Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA), uma organização financeira dos Estados-membros da Liga Árabe, com o objetivo de facilitar os empréstimos financeiros aos projetos de desenvolvimento nos países africanos e fornecer assistência técnica.

Um dos objetivos do Banco BADEA é promover as exportações dos países árabes para os mercados africanos através do Programa de financiamento das exportações BADEA (BEF).

  1. A sede do Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA) encontra-se no Sudão (Cartum).
  2. H. E. Sr. Abdelaziz KHELEF é o diretor Geral do Banco

Hoje o Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África pode contribuir até 60% do custo total de um projeto (máx. 20 milhões de dólares).

No enquadramento do Sétimo Plano Quinquenal (2015 - 2019) do BADEA, 1.100 milhões de dólares estarão disponíveis para os projetos do setor público, 450 milhões para o setor privado e 50 milhões para assistência técnica.

Os países-membros do Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA) são a Arábia Saudita, a Argélia, o Barém, o Catar, do Egito, os Emirados Árabes Unidos, o Iraque, a Jordânia, o Kuwait, o Líbano, a Líbia, a Mauritânia, o Marrocos, o Omã, a Palestina, o Sudão, a Síria e a Tunísia.

Os países beneficiários africanos do Banco Árabe para o desenvolvimento económico da África (BADEA) (membros da União Africana que não são membros da Liga árabe) são a África do Sul, a Argélia, Angola, o Benim, o Botsuana, o Burquina Faso, Burundi, os Camarões, Cabo Verde, a República Centro-Africana, o Chade, as Comores, o Congo, a Costa do Marfim, a República Democrática do Congo, Jibuti, o Egito, a Eritreia, a Etiópia, a Guiné Equatorial, o Gabão, a Gâmbia, o Gana, a Guiné, a Guiné-Bissau, o Quénia, o Lesoto, a Libéria, a Líbia, Madagáscar, o Maláui, o Mali, a Mauritânia, Maurícia, Moçambique, a Namíbia, o Níger, a Nigéria, Ruanda, São Tomé e Príncipe, o Senegal, as Seicheles, a Serra Leoa, a Somália, o Sudão, o Sudão do Sul, a Suazilândia, a Tanzânia, o Togo, a Tunísia, o Uganda, a Zâmbia e o Zimbábue.

O Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico da África (BADEA) pertence à Civilização Islâmica e à Civilização Africana.



(c) Escola de Negócios EENI & Universidade HA (1995-2019). Não usamos cookies.