Escola de Negócios EENI Business School

Comércio e Negócios na Arábia Saudita, Riade


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - Comércio exterior e negócios no Reino da Arábia Saudita. Riade e Jidá

  1. Introdução ao Reino da Arábia Saudita (Médio Oriente)
    1. A cidade Sagrada da Meca.
  2. A economia da Arábia Saudita
    1. As cidades económicas: Rei Abdullah, Jazan, Prince AbdulAziz e a cidade do conhecimento económico;
    2. As cidades industriais: Jubail e Yanbu;
    3. A histórias de sucesso: Dow Chemical, Sharq, SABIC-Ma'aden, Sumimoto, Rio Tinto, Telefonia móvel, SAP, Cisco...
  3. O comércio exterior saudita;
  4. Fazendo negócios em Riade e Jidá;
  5. Investir na Arábia Saudita;
  6. Casos de estudo:
    1. Saudi Aramco;
    2. Dallah Albaraka;
    3. Grupo Savola.
  7. Acesso ao mercado saudita;
  8. Plano de negócios para a Arábia Saudita.

Homens e mulheres de negócios da Arábia Saudita.

  1. Príncipe Alwaleed Bin Talal;
  2. Xeique Maomé Hussein Ali Al Amoudi;
  3. Xeique Maomé Bin Issa Al Jaber;
  4. Sulaiman Al-Rajhi;
  5. Lubna Olayan;
  6. Doutora Hayat Sindi;
  7. Haifa Al Mansour.
Fundos Árabes para o Desenvolvimento
  1. Fundo Saudita para o Desenvolvimento;
  2. Programa Árabe do Golfo para as Organizações de Desenvolvimento das Nações Unidas (AGFUND).

Os objetivos da UC «Comércio exterior e negócios na Arábia Saudita» são os seguintes:

  1. Analisar a economia e o comércio exterior (exportações, importações, investimentos IED) saudita;
  2. Avaliar as oportunidades de negócio no Reino da Arábia;
  3. Analisar as relações comerciais da Arábia Saudita com o país do estudante;
  4. Conhecer os acordos de livre-comércio (ALC) da Arábia;
  5. Desenvolver um plano de negócios para o mercado saudita;
  6. Analisar o perfil dos homens e das mulheres de negócios sauditas.

A EENI outorga um Mestrado Honorífico a SAR Príncipe Alwaleed Bin Talal
Príncipe Alwaleed Bin Talal (Mestrado Honoris Causa EENI)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Negócios no Médio Oriente

Estudante mestrado em negócios internacionais EAD

A UC «Comércio Exterior e Negócios na Arábia Saudita» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Mestrados (MIB): Negócios Internacionais, Comércio Exterior.

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Islâmicos, Comércio Mundial.

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior + Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais Saudi Arabia ou Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Arabia Saudita Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Arabie saoudite.

  1. Créditos da UC «Comércio exterior e negócios na Arábia Saudita»: 3 ECTS;
  2. Duração: 3 semanas.

Exemplo:
Comércio exterior e negócios na Arábia Saudita:
Sulaiman Al-Rajhi, empresário e filantropo muçulmano saudita (Arabia, Negócios) A doação de toda a sua fortuna à filantropia

Comércio exterior e negócios na Arábia Saudita.

Jidá é a sede do Secretariado da Organização para a Cooperação Islâmica (OCI) e a sua organização subsidiária, o Banco Islâmico de Desenvolvimento.

Transporte e logística internacional. Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Exemplo:
Haifa Al Mansour. Diretora de Cinema saudita (a segunda mulher árabe mais poderosa do mundo, Arábia Saudita)

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Facilitação do Comércio

Exemplo:
Organização Marítima Internacional (IMO, Master) Convenio FAL Transporte de mercancías

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Organizações islâmicas

Organizações islâmicas.

  1. Liga dos Estados Árabes (LEA);
  2. Comissão Económica e Social para a Ásia Ocidental (CESPAO);
  3. Organização para a Cooperação Islâmica (OCI)
    1. Centro de Investigação Económica - Social e de Ensino para os Países Islâmicos;
    2. Centro Islâmico para o Desenvolvimento do Comércio Exterior;
    3. Câmara de Comércio e Indústria Islâmica;
    4. Comité para a Cooperação Económica e Comercial da OCI.
  4. Banco Islâmico de Desenvolvimento (BIsD);
  5. Cooperação África-Países árabes (ASA);
  6. Banco Árabe para o desenvolvimento económico de África (BADEA);
  7. Diálogo Ásia-Médio Oriente (AMED);
  8. Cúpula América do Sul (Brasil)-Países Árabes (ASPA);
  9. Fundos Árabes para o Desenvolvimento.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Organizações Asiáticas

Organizações económicas e comerciais asiáticas.

  1. Diálogo de Cooperação para a Ásia (ACD);
  2. Plano Colombo.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Globalização e organizações

Organizações económicas globais.

  1. Banco Africano de Desenvolvimento (BAfD);
  2. Nações Unidas (NU)
    1. Conferência sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD);
    2. Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI);
    3. Centro de Comércio Internacional (INTRACEN).
  3. Banco Mundial (BM);
  4. Organização Mundial do Comércio (OMC);
  5. Fundo Monetário Internacional (FMI);
  6. ...

Exemplo:
Distribuição na Arábia

Reino da Arábia Saudita.

A Arábia Saudita é um país muito importante devido sobretudo à:

  1. É o lugar de nascimento do Profeta Maomé e tem duas cidades santas do Islão: a Meca e Medina;
  2. É o principal ator regional político;
  3. Economicamente, a Arábia Saudita é um gigante regional, e com 25% das reservas mundiais provadas de petróleo, o fazem um país muito importante no futuro.

Arábia Saudita.

  1. A Arábia Saudita tem fronteiras com a Jordânia, o Iraque, o Kuwait, o Irão, o Barém, o Catar, os Emirados Árabes Unidos, o Omã, o Iémen e o Egito;
  2. A língua oficial saudita e o árabe;
  3. A abolição da escravatura na Arábia: 1962;
  4. A população saudita: 29 milhões de habitantes (54% homens e 46% mulheres);
  5. Estima-se que 50% da população da Arábia é menor de vinte anos;
  6. Área da Arábia Saudita: 2.149.690 quilómetros quadrados;
  7. A capital da Arábia Saudita: Riade.

A religião da Arábia Saudita:

  1. Islão Sunita;
  2. A Escola Fiqh (Jurisprudência islâmica): Hanbali.

A Arábia Saudita pertence ao Espaço Económico Árabe da Civilização Islâmica.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Islão, Ética e Negócios. Espaços Económicos Islâmicos

Exemplo:
Xeque Maomé Hussein Ali Al Amoudi, empresário e filantropo muçulmano saudita - etíope

Comércio Exterior (exportações, importações) Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento)

A economia da Arábia Saudita.

Estrategicamente localizada no cruzamento do comércio exterior leste-oeste, a Arábia Saudita oferece um portal para a economia global e uma porta de entrada para os mercados regionais. A economia da Arábia Saudita ocupa o terceiro lugar no mundo na estabilidade macroeconómica.

  1. O Reino da Arábia Saudita é o maior mercado no Médio Oriente;
  2. A Arábia representa 25% de produto nacional bruto árabe e tem as maiores reservas de petróleo do mundo (25%);
  3. A Arábia Saudita exporta mais petróleo bruto e do gás natural líquido que qualquer outro país, quase todos através de empresa Saudi Aramco;
  4. A «Saudi Arabian Oil Companhia», o Saudi Aramco, é a maior companhia petroleira do mundo. Criada pelo Decreto-lei em 1988, «Saudi Aramco» tem a sede social em Dhahran, na costa leste da Arábia. A companhia controla quase a totalidade das empresas de hidrocarbonetos da Arábia Saudita;
  5. A Arábia Saudita é o lugar ideal para a maioria dos projetos dependendo do consumo de energia, uma vez que fornece energia para projetos de investimento com o menor dos preços a nível mundial;
  6. Além disso, existem muitos recursos naturais na mineração que são suportados pela localização geográfica do Reino tornando - os de fácil acesso ao mercados europeus, asiáticos e africanos;
  7. A Arábia Saudita tem um elevado poder de compra;
  8. O Saudi Riyal é uma das moedas mais estáveis do mundo.
    1. Não houve alteração importante no seu valor do câmbio durante as últimas três décadas;
    2. Não há restrições sobre a troca de moeda estrangeira e as transferências.
  9. As taxas de inflação na Arábia Saudita são muito baixas;
  10. A Arábia Saudita é um dos maiores doadores de ajuda do mundo.

Distância ao Porto Sudão: 260 quilómetros.

A Arábia Saudita é membro...

A Arábia Saudita é um membro fundador da Organização das Nações Unidas (NU). É membro do Fundo Monetário Internacional (FMI), do Banco Mundial (BM) e da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Exemplo:
Lubna Olayan, empresária muçulmana e filantropa saudita (Arabia, Negócios)

Exemplo:
Xeque Maomé Bin Issa Al Jaber. Empresário árabe e filantropo muçulmano, Arábia Saudita

Exemplo:
Hayat Sindi, a décima primeira mulher árabe mais influente, Arábia Saudita

Exemplo:
Arábia Saudita Marketing internacional (Doutoramento Mestrado Curso)


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página