Escola de Negócios EENI Business School

Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong


Compartilhar por Twitter

Conteúdo programático da unidade curricular (UC) - Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong.

  1. Introdução à Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMECS): a Camboja, o Laos, Mianmar, a Tailândia e o Vietname
  2. Plano de ação estratégico da ACMECS
  3. Facilitação do comércio exterior e do investimento nos países ACMECS

Exemplo:
A Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (Ásia):
Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES): a Camboja, o Laos, Mianmar, a Tailândia e o Vietname

Curso Mestrado: Negócios no Sudeste Asiático - ASEAN

Estudantes, Comércio Exterior Mestrado Doutoramento

A UC «A Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES)» é estudada nos seguintes programas de ensino superior online ministrados pela EENI Global Business School (Escola de Negócios):

Cursos: Negócios no Sudeste Asiático (ASEAN), Budismo e negócios

Mestrados (MIB): Negócios na Ásia, Negócios Internacionais, Comércio Exterior, Relações Económicas

Mestrados em Comércio Exterior e Negócios Internacionais - Formação online

Doutoramento (Doutorado DIB): Negócios Asiáticos, Ética, Religiões e Negócios, Comércio Mundial

Doutorados (Doutoramentos) Profissionais em Negócios Internacionais - Formação online

Línguas: Ensino superior à distância (Cursos, Mestrados, Doutoramento) em Português, comércio exterior ou Estudar em Inglês online, curso mestrado doutoramento, comércio exterior, negócios internacionais ACMECS Mekong Economic Cooperation Mestrado negócios internacionais comércio exterior EAD em Espanhol Estrategia de Cooperación del Mekong Estudar mestrado negócios internacionais e comércio exterior em Francês Stratégie de coopération économique du Mékong.

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento: Organizações Asiáticas

Formação online (Curso, Mestrado, Doutoramento): Acesso preferencial / Acordos comerciais

Exemplo:
Corredor Económico Nanning (China)-Singapura, ASEAN Área de Livre-Comércio

Qual é a missão da Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES)

Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES)

A Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong é um enquadramento de cooperação entre: a Camboja, o Laos, Mianmar, a Tailândia e o Vietname (Sudeste Asiático) para usar os pontos fortes dos países-membros e para a promoção e o desenvolvimento equilibrado da sub-região.

O primeiro-ministro Thaksin Shinawatra da Tailândia iniciou o estabelecimento deste enquadramento de cooperação em abril de 2003.

As principais áreas de cooperação no enquadramento da Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES) são a facilitação do comércio exterior e dos investimentos, do transporte, da agricultura, da indústria e da energia, da saúde pública, do turismo e do desenvolvimento de recursos humanos.

A Estratégia para a Cooperação Económica do Mekong (ACMES) deverá aproveitar as vantagens comparativas dos países CLMT (Camboja, Laos, Mianmar, Tailândia) da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) para estabelecer uma próspera e competitiva sub-região.

O objetivo é facilitar os fluxos de mercadorias e o investimento estrangeiro direto (IED), que são cruciais para a criação de emprego, a promoção dos benefícios e a redução das divergências económicas e sociais.

Nota: o tema «Plano de ação estratégico» só está disponível em inglês.

Acordos comerciais da ASEAN: Comunidade económica da ASEAN, Área de livre-comércio, Triângulo de Crescimento, Área de crescimento, União Europeia, Estados Unidos, China, Canadá, Austrália, Coreia, Índia, Japão, Paquistão, Rússia...

Corredores de transporte:

  1. Corredor de Crescimento Ásia-África
  2. Corredor Económico Nanning (China)-Singapura
  3. Zona Económica do Pan-Golfo de Beibu
  4. Corredor Económico Bangladeche-China-Índia-Mianmar

Exemplo:
Corredor Económico Leste-Oeste (Mianmar-Tailândia-Laos-Vietname)


(c) Escola de Negócios EENI Global Business School (1995-2022)
Não usamos cookies
Topo da página